Porto Velho (RO) segunda-feira, 6 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

NEM IBAMA ENCONTRA O MAIOR DESMATADOR DA AMAZÔNIA


 
JOÃO CARLOS MAGALHÃES    
 
Órgão mandou notificação de uma autuação no valor R$ 13,4 milhão

Figura desconhecida do meio agrário paraense, Léo Andrade Gomes, listado nesta semana como a pessoa física que mais desmatou no país, ainda não foi encontrado nem pelo Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis) para notificá-lo sobre uma multa.

O instituto mandou a notificação de uma autuação no valor R$ 13,4 milhões para dois endereços diferentes, no Maranhão e na Bahia, mas a documentação voltou, e ele teve que ser avisado oficialmente por edital.

Ele também não indicou um advogado para representá-lo no processo. Como Gomes perdeu o prazo para apresentar defesa, ele deve se tornar um devedor da União.

Segundo a lista divulgada na última segunda-feira pelo ministro Carlos Minc (Meio Ambiente), Gomes desmatou mais de 15,2 mil hectares em dois focos diferentes, em Santana do Araguaia e Santa Maria das Barreiras, no sudeste do Pará.

Em ambos os autos de infração, um deste ano e outro de 2006, o nome da propriedade era o mesmo - Fazenda Cachoeira Alta.

A multa de 2006, de R$ 18 milhões, também não foi paga. Gomes - ou alguém em seu nome - entrou com um recurso no Ministério do Meio Ambiente, que ainda não foi julgado, segundo o Ibama.

A Folha conversou com fazendeiros de Santana do Araguaia e nenhum deles disse que conhecia ou que já tinha ouvido falar de Andrade, que também não figura no Sindicato de Produtores Rurais da cidade nem é associado da Faepa (Federação de Agricultura e Pecuária do Pará).

Segundo um funcionário do Ibama, é possível que ele seja “laranja” de outro fazendeiro.

Fonte: Folha Online

 

Mais Sobre Meio Ambiente

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Um acordo no valor de R$ 2,7 milhões homologado pela Justiça do Trabalho em Ji-Paraná/RO beneficiará projetos sustentáveis que visam o tratamento e re

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

O rio Madeira atingiu na segunda-feira (9) a cota de 15,24 metros, um pouco acima da média (15 metros), mas longe de uma enchente como a registrada em

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

O prefeito Hildon Chaves se reuniu no Prédio do Relógio (sede do poder executivo) na manhã desta segunda-feira (09), acompanhado do secretário adjunto

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Sessenta Policiais Militares do Batalhão de Polícia Ambiental, de todo o Estado, participaram na manhã desta sexta-feira (28/2) da Oficina sobre