Porto Velho (RO) sexta-feira, 3 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Moreira Mendes diz que projeto sobre rastreabilidade dará confiabilidade ao produto



Depois de cerca de 45 dias de intenso trabalho, os parlamentares da Subcomissão da Rastreabilidade – criada pela Comissão de Agricultura da Câmara - aprovaram na de ontem, 28, por unanimidade, o relatório do deputado Abelardo Lupion (DEM-PR), que propõe a reformulação das normas de rastreabilidade dos rebanhos bovino e bubalino no Brasil.

De acordo com o deputado Moreira Mendes (PPS-RO), presidente da Subcomissão da Rastreabilidade, o anteprojeto de lei apresentado hoje é resultado do esforço conjunto de vários parlamentares, técnicos e especialistas no assunto. “É uma proposta muito simples, objetiva, que o grande e o pequeno produtor brasileiros poderão cumprir facilmente”, disse ele, acrescentando que, ao mesmo tempo, “a proposta é robusta o suficiente para dar confiabilidade ao nosso produto no mercado internacional”.

O anteprojeto de lei estabelece que a principal medida de rastreabilidade será a obrigatoriedade de marca de fogo ou de tatuagem nos animais. O documento prevê que, se governo exigir outro instrumento de rastreabilidade, deverá arcar com os custos desse instrumento.

Ao apresentar o relatório, o deputado Abelardo Lupion defendeu o fim do atual sistema de rastreabilidade (Sistema Brasileiro de Rastreabilidade da Cadeia Produtiva de Bovinos e Bubalinos - Sisbov), pois considera sua implementação impossível para os pequenos produtores. Ele lembrou que o Sisbov também foi criticado pela União Européia, que restringiu as importações de carne do Brasil.

Agilidade

Moreira Mendes antecipou que a proposta será submetida ao plenário da Comissão de Agricultura já na semana que vem. A idéia, segundo ele, é possibilitar um debate o mais amplo possível, a fim de fortalecer a proposta. Depois do acolhimento do relatório e sua aprovação pela Comissão da Agricultura, os parlamentares iniciarão a coleta de assinaturas dos líderes da Casa para colocar a matéria na pauta de votações do plenário com a máxima urgência, já na forma de projeto de lei. “Estamos mostrando ao mundo que estamos cumprindo o nosso dever”, resumiu Moreira Mendes.

Fonte: Claudivan Santiago C/ informações da Agência Câmara

 

 

Mais Sobre Meio Ambiente

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Um acordo no valor de R$ 2,7 milhões homologado pela Justiça do Trabalho em Ji-Paraná/RO beneficiará projetos sustentáveis que visam o tratamento e re

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

O rio Madeira atingiu na segunda-feira (9) a cota de 15,24 metros, um pouco acima da média (15 metros), mas longe de uma enchente como a registrada em

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

O prefeito Hildon Chaves se reuniu no Prédio do Relógio (sede do poder executivo) na manhã desta segunda-feira (09), acompanhado do secretário adjunto

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Sessenta Policiais Militares do Batalhão de Polícia Ambiental, de todo o Estado, participaram na manhã desta sexta-feira (28/2) da Oficina sobre