Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

II Workshop de Áreas Degradadas da Amazônia


A Energia Sustentável do Brasil (ESBR) marcou presença no “II Workshop de Áreas Degradadas da Amazônia: Perspectivas Sustentáveis para a Exploração Econômica”, realizado pelo Instituto Federal do Acre (IFAC) em Rio Branco nos dias 04 e 05 deste mês.    

Os temas debatidos nos dois dias de workshop trataram de resgatar uma série de discussões referentes ao uso da terra e seus impactos, assim como a forma de recuperação dessas áreas, de acordo com o local e a legislação vigente.

O coordenador de Meio Ambiente da ESBR Marco Canedo falou aos participantes no dia 05, sobre o tema “Experiências exitosas de recuperação de áreas degradadas como medida de responsabilidade social e ambiental”. Para isso, fez uma exposição resumida do trabalho desenvolvido neste campo na Usina Hidrelétrica Jirau, relatando a metodologia aplicada, os fatores locais que interferem na revegetação e os resultados obtidos na Cooperativa dos Produtores Rurais do Observatório Ambiental Jirau  (COOPROJIRAU), idealizada e implantada pela Energia Sustentável do Brasil, com as comunidades da área de abrangência do empreendimento.

“A participação no evento é de suma importância, pois temos a oportunidade de apresentar e difundir as boas práticas realizadas no âmbito da recuperação das áreas degradadas na região amazônica, em consonância com as novas tecnologias do setor”, destaca Canedo.

Para o diretor de Pesquisas Aplicadas do IFAC, Charlys Roweder, a participação da ESBR na troca de experiências somou positivamente nesta segunda edição do Workshop, pois permitiu discussões entre estudantes, pesquisadores e outros profissionais da área, que buscam o equilíbrio entre a produção e a conservação do meio ambiente.

Fonte: Ascom

 

Mais Sobre Meio Ambiente

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE, participaram no auditório da Federação durante dois dias, da 4° etapa da implantação do programa

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

O Brasil tem 790 barragens de rejeitos de minérios, e mais de 300 delas não foram classificadas em relação ao seu risco de rompimento e ao potencial d

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Os R$ 4 milhões também servirão para elaborar o Plano Municipal de Saneamento Básico e o Plano de Gerenciamento de Resíduos SólidosMais uma vitória im

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Ontem (31/01), a Fundação SOS Mata Atlântica deu início à Expedição Paraopeba, que irá percorrer 356 km deste rio, de Brumadinho à Hidroelétrica Retir