Porto Velho (RO) quarta-feira, 19 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Idaron inicia campanha de vacinação contra febre aftosa


 

A partir desta quarta-feira (15) começa oficialmente a 26ª Campanha de Vacinação Contra a Febre Aftosa em todo o estado. Os criadores de gado e bubalinos terão até o dia 15 de maio para proteger todo o rebanho e assim ajudar Rondônia a ficar livre da doença de maneira definitiva. Para alertar ainda mais o produtor da necessidade da imunização, o Governo do Estado já está veiculando peças publicitárias em emissoras de rádio, televisão e jornais.

O presidente da Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril de Rondônia (Idaron), Augustinho Pastore afirma que essa campanha de vacinação caminha para ser altamente positiva e atingir 100% do rebanho rondoniense, o que representa cerca de 11 milhões e 200 mil de cabeças de gado. "Tenho certeza que os nossos 85 mil pecuaristas vão nos ajudar a fazer de Rondônia o segundo estado brasileiro a ficar livre da febre aftosa sem vacinação. A maior prova disso foram os 10 anos sem nenhuma notificação da doença em Rondônia", disse ele.


Metas

A meta de imunizar 100% do rebanho rondoniense acontece pela estrutura montada pelo Governo do Estado juntamente com a Idaron. Os 52 municípios de Rondônia possuem 75 escritórios e 14 postos de fiscalização fixos, além dos postos itinerantes que vão até propriedades rurais fiscalizar e dar o apoio necessário para os criadores. "Caso o pecuarista tenha dificuldades em vacinar o seu gado, é só procurar um escritório ou posto de fiscalização da Idaron que nós enviaremos técnicos para auxiliar na proteção do rebanho contra a febre aftosa", disse Pastore.
A campanha se encerra no dia 15 de novembro e os produtores têm até o dia 22 de maio para declarar o gado vacinado ou relatar qualquer contratempo.

Fonte:  Asscom/Idaron / Felipe Corona – MTb 919/RO
 


Mais Sobre Meio Ambiente

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

O Sistema Cantareira, que abastece parte da capital paulista e da Região Metropolitana, estava com quase 60% da capacidade um ano antes da crise de 20

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Agentes reguladores estão avaliando a medida provisória

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Um grupo de 30 crianças da Fundação JiCred plantou mudas de ipê e flamboyant no Parque Ecológico Municipal. A ação foi realizada pelo Sistema Cooperat