Porto Velho (RO) segunda-feira, 6 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Idaron atribui aumento das exportações a Cassol


O apoio e incentivo do governador Ivo Cassol à equipe da Agência de Defesa Agrosilvopastoril (Idaron), garantindo liberdade de atuação, foram os fatores que mais contribuíram para Rondônia conquistar o quinto lugar no ranking nacional do setor de exportações de carne bovina, no mês de junho deste ano, conforme dados da Scot Consultoria. A afirmação foi feita em tom de comemoração pelo presidente da Idaron, Lorival Amorim, destacando que de janeiro a junho o Estado obteve com o agronegócio mais de 136 milhões de dólares (70,7% de todas as exportações), sendo que a carne e derivados responderam por mais de 50% (U$ 96 milhões).

De acordo com a Scot Consultoria, Rondônia está no topo juntamente com os Estados de São Paulo, Goiás, Mato Grosso e Minas Gerais, deixando para trás o Rio Grande do Sul. "Para se ter uma idéia, em oito anos praticamente dobramos o rebanho, que hoje é de 11 milhões de cabeça, fato que colocou Rondônia em sétimo lugar em termos de quantidade", disse o presidente da Idaron, adiantando que o resultado é mais um estímulo para que o Governo Cassol continue investindo no serviço de defesa animal, servindo de exemplo para outros Estados.

Lorival Amorim também acredita que a tendência é de que Rondônia mantenha-se ou supere este patamar, considerando que em um ano outras quatro indústrias deverão ser instaladas, somando-se às 17 que atuam com o Sistema de Inspeção Federal (SIF), gerando mais de 100 mil empregos diretos.

Conforme o Scot Consultoria, Rondônia respondeu em junho por 4,8% das exportações de todo o país, com 8,64 mil toneladas, faturando U$ 13,5 milhões (3,4% do nacional), a maior parte carne desossada. "Essa sem dúvida é uma notícia que engrandece o Estado e deixa o governo Ivo Cassol orgulhoso", afirmou Lorival Amorim, observando que desde 1999 a Idaron vem contribuindo com o crescimento das exportações no Estado, atraindo indústrias e produtores, graças ao trabalho de combate e controle de doenças, como a aftosa, que através da vacinação possibilitou a Rondônia o status de livre da doença desde 2003.

"Assim como o governador, temos recebido apoio também do Ministério da Agricultura, Seapes e Fefa, o Fundo de Erradicação da Febre Aftosa", observou Amorim, adiantando que a Idaron tem ampliado sua estrutura em todos os municípios e que deverá abrir concurso em breve para contratação de pessoal.

Fonte: DECOM 

Mais Sobre Meio Ambiente

Ji-Paraná: prefeitura encerra atividade no lixão e passa a utilizar aterro sanitário

Ji-Paraná: prefeitura encerra atividade no lixão e passa a utilizar aterro sanitário

A Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semeia), encerrou nesta segunda feira (06), as atividades no lixão munic

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Um acordo no valor de R$ 2,7 milhões homologado pela Justiça do Trabalho em Ji-Paraná/RO beneficiará projetos sustentáveis que visam o tratamento e re

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

O rio Madeira atingiu na segunda-feira (9) a cota de 15,24 metros, um pouco acima da média (15 metros), mas longe de uma enchente como a registrada em

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

O prefeito Hildon Chaves se reuniu no Prédio do Relógio (sede do poder executivo) na manhã desta segunda-feira (09), acompanhado do secretário adjunto