Porto Velho (RO) quinta-feira, 20 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Histórias do Lúcio Albuquerque: QUESTÃO DE GOSTO


O governador amazonense Gilberto Mestrinho foi crucificado pelos ecologistas, muitos deles, com certeza, a serviço de interesses terceiros, porque quando a quantidade de jacarés na região de Nhamundá cresceu muito, mandou abater algumas feras. ‘É melhor matar um jacaré do que deixar o bicho comer o caboclo’, dizia Gilberto, enquanto ecoidiotas vociferavam, talvez porque o sáurio não estava rondando pelas praias de Copacabana. 

Cheios de uma filosofia anti-amazônica, participantes de um Fórum global acerca da região, aquelas reuniões feitas em locais bem distantes deste ‘Inferno Verde’, disseram que ‘entre o homem e o pirarucu, ficariam favoráveis ao peixe’. 

Simeão Tavernard, paraense de nascimento, porto-velhense de adoção, me diz, ao ver a notícia na TV: ‘Lúcio, isso é porque esses caras nunca comeram um pirarucu desfiado. Se tivessem comido vai ver que mudavam de opinião’. 

Eu, que gosto de peixe do jeito que ele venha, concordei. 

Fonte: Lúcio Albuquerque

Mais Sobre Meio Ambiente

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

O Sistema Cantareira, que abastece parte da capital paulista e da Região Metropolitana, estava com quase 60% da capacidade um ano antes da crise de 20

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Agentes reguladores estão avaliando a medida provisória

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Um grupo de 30 crianças da Fundação JiCred plantou mudas de ipê e flamboyant no Parque Ecológico Municipal. A ação foi realizada pelo Sistema Cooperat