Porto Velho (RO) sexta-feira, 27 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Governo quer mineração em áreas indígenas da Amazônia



BRASÍLIA — Se depender de setores do governo, a extração de minérios — ouro e diamantes, principalmente — será uma realidade em terras indígenas. Indicativo nesse sentido partiu de José Alberto Cunha Couto, secretário de Acompanhamento e Estudos Institucionais da Presidência da República, em audiência esta semana na Câmara. Couto trabalha em um órgão vinculado ao Gabinete de Segurança Institucional da Presidência. Durante sua exposição, o Couto também defendeu a aprovação do projeto de Lei 1610/96, oriundo do Senado, que regulamenta a exploração de recursos minerais em terras indígenas. A Constituição não proíbe explorar minérios nessas áreas. Ou seja, o texto constitucional não considera inexplorável nenhuma das riquezas nacionais. Mesmo assim, Couto avalia que a atividade requer regime específico e não pode ser regulada com base no atual Código de Mineração (o Decreto lei 227/67).

Couto usou a alta das commodities para defender a mineração em áreas indígenas. E justificou: “Se algum minério não for explorado a tempo, perderá valor no comércio exterior”. Mas o pano de fundo para a exploração mineral não é apenas o lucro financeiro.

Fonte: Agência Amazônia

Mais Sobre Meio Ambiente

O misterioso e exótico Pico do Tracuá

O misterioso e exótico Pico do Tracuá

O Pico do Tracuá, local mais elevado de Rondônia, está localizado nas proximidades do município de  Campo Novo e   encravado na Cordilheira dos Pa

Como as empresas podem cortar custos com a gestão de resíduos sólidos?

Como as empresas podem cortar custos com a gestão de resíduos sólidos?

Realizar atividades produtivas viáveis sem prejudicar o meio ambiente é um desafio que move países de todo o mundo. Todos os anos, pesquisadores e cie

Fórum Amazônia+21 termina consolidando caminhos para o desenvolvimento sustentável da região

Fórum Amazônia+21 termina consolidando caminhos para o desenvolvimento sustentável da região

Durante três dias, o Fórum Mundial Amazônia+21 reuniu de forma virtual 110 painelistas, 120 instituições e representantes de 18 governos estaduais.

Associação de moradores realiza mutirão de limpeza no ramal Niterói, próximo a Porto Velho

Associação de moradores realiza mutirão de limpeza no ramal Niterói, próximo a Porto Velho

Um grupo de moradores do Ramal Niterói, distante cerca de 4km da cidade de Porto Velho, próximo a ponte Rondon-Roosevelt sobre o Rio Madeira, fará uma