Porto Velho (RO) segunda-feira, 24 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Forte onda de frio deve atingir o Brasil, chegando também a Rondônia, Acre e MT



Daniel Panobianco - O tempo vai virar mais uma vez em boa parte do Brasil nos próximos dias; Pelo menos é o que sugere, a grande maioria dos modelos de previsão numérica, que são os supercomputadores que fazem os cálculos da previsão de tempo.

Duas fortes incursões polares deverão penetrar continente adentro provocando brusca mudança nas condições meteorológicas no Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Norte do Brasil, com a sétima friagem de 2010 em Rondônia, Acre, Amazonas e sul do Pará.

A primeira massa de ar polar chega ao Rio Grande do Sul já no domingo (01/08) à noite provocando acentuada queda de temperatura. Rapidamente, o ar frio escoará continente adentro derrubando as temperaturas também em Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Mato Grosso do Sul e países como Paraguai e Bolívia. O núcleo projetado para este primeiro pulso, no entanto, não deve ser expressivo, com máximo de 1028 hPa (hectopascais) no centro-leste da Argentina, na segunda-feira (02/08).

A partir de quarta-feira (04/08), um segundo pulso de ar frio, desta vez muito expressivo, irá escoar rapidamente pela calha dos rios Paraguai, Paraná, Guaporé e Mamoré favorecendo um declínio surreal dos termômetros até a Amazônia.

Mais uma vez, os modelos indicam intenso resfriamento em Mato Grosso do Sul, Estado que já acumula um prejuízo de mais de R$ 3 milhões com a morte de animais, em virtude das baixas temperaturas das últimas semanas.

Mato Grosso, Rondônia e Acre também deverão ser novamente atingidos pela intensa onda de frio e novos recordes em temperatura mínima poderão ser quebrados com a configuração da sétima friagem de 2010, podendo o recorde de frio na Região Norte, que é de 7,6°C observado no dia 17 de julho em Vilhena, sul rondoniense, ser quebrado.

Desta vez, além de congelar o oeste do Brasil, a nova onda de frio irá conseguir finalmente penetrar no Sudeste, onde em São Paulo geadas são estimadas por alguns modelos entre quinta e sábado (05 e 07/08).

Dados: CPTEC/INPE - Wyoming - Weather Underground
(Fonte: De olho no tempo)

 

Mais Sobre Meio Ambiente

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

O Sistema Cantareira, que abastece parte da capital paulista e da Região Metropolitana, estava com quase 60% da capacidade um ano antes da crise de 20

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Agentes reguladores estão avaliando a medida provisória

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Um grupo de 30 crianças da Fundação JiCred plantou mudas de ipê e flamboyant no Parque Ecológico Municipal. A ação foi realizada pelo Sistema Cooperat