Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Filhotes de peixe-boi serão solto na Amazônia


Dois filhotes de peixe-boi criados em cativeiro devem ser soltos amanhã em uma reserva na Amazônia. Os animais, que foram cuidados durante toda a vida pelo Projeto Peixe-Boi da Amazônia, pesam cerca de 80 quilos e estão no cativeiro há pelo menos nove anos, desde que nasceram.

A idéia do projeto é evitar a extinção da espécie. Os peixes-bois passarão por uma série de exames e serão monitorados para que não rejeitam a primeira experiência de liberdade. Em caso de problemas, não está descartada a hipótese dos moradores ribeirinhos e das Unidades de Conservação presentes no local ajudarem os animais, que se aproxima facilmente dos humanos.

Fonte: Jovem Pam

Mais Sobre Meio Ambiente

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE, participaram no auditório da Federação durante dois dias, da 4° etapa da implantação do programa

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

O Brasil tem 790 barragens de rejeitos de minérios, e mais de 300 delas não foram classificadas em relação ao seu risco de rompimento e ao potencial d

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Os R$ 4 milhões também servirão para elaborar o Plano Municipal de Saneamento Básico e o Plano de Gerenciamento de Resíduos SólidosMais uma vitória im

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Ontem (31/01), a Fundação SOS Mata Atlântica deu início à Expedição Paraopeba, que irá percorrer 356 km deste rio, de Brumadinho à Hidroelétrica Retir