Segunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Estiagem amazônica: Jaru pode ter maior seca da história


Daniel Panobianco - O município de Jaru pode registrar este ano a maior seca de sua história devido à escassez de chuvas. Segundo dados colhidos pelo Serviço Geológico do Brasil (CPRM) e a Agência Nacional de Águas (ANA), o nível do rio Jaru, principal fonte de abastecimento de água do município, registra um dos mais baixos níveis dos últimos anos.O responsável pelas observações pluviométricas e de telemetria para os dois órgãos é o aposentado José Francisco Cardoso, que mostrou que as réguas de medição registravam na manhã de ontem que o nível do rio Jaru estava em 3,30 metros. Ele disse que o menor nível coletado, segundo suas anotações, foi de 3,25 metros, em 2006. Porém, neste mesmo período em 2006 aconteceram três chuvas no município, nos dias 6, 14 e 29 de agosto, e não chove em Jaru desde o último dia 26, o que preocupa o experiente coletor de dados.Cardoso disse que na última semana um engenheiro do Rio Grande do Sul esteve em sua propriedade para realizar a manutenção dos equipamentos de observações pluviométricas e constatou a escassez de chuvas na cidade. José Francisco tem 85 anos e trabalha na coleta de dados para as duas agências há 21 anos e recebe uma gratificação de apenas R$ 201. Ele reclama que o valor recebido é muito baixo, uma vez que tem que realizar duas medições de régua por dia, uma pela manhã e outra à tarde, o que o impede às vezes de sair de casa.

Fonte: Jornal Folha de Rondônia

Gente de OpiniãoSegunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Ibama define nova prioridade para enfrentar perdas na biodiversidade e a crise climática

Ibama define nova prioridade para enfrentar perdas na biodiversidade e a crise climática

Neste ano em que completa 35 anos, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) comemora o impacto do trabalho

Megaoperação destrói infraestrutura criminosa na Terra Indígena Yanomami

Megaoperação destrói infraestrutura criminosa na Terra Indígena Yanomami

As Forças de Segurança do governo brasileiro estão em ação conjunta ao redor e dentro da Terra Indígena Yanomami para impedir atividades criminosas

Projeto do CIMCERO e TJ-RO amplia estrutura para beneficiar viveiros em Rondônia

Projeto do CIMCERO e TJ-RO amplia estrutura para beneficiar viveiros em Rondônia

A parceria entre o Consórcio Público Intermunicipal de Rondônia (CIMCERO) e o Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia tem incentivado junto as pre

Gente de Opinião Segunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)