Porto Velho (RO) domingo, 29 de março de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Embalagens vazias de agrotóxicos terão local próprio


Porto Velho passa a contar com um local apropriado para receber as embalagens vazias de agrotóxicos. Construído graças ao esforço dos revendedores de produtos agrotóxicos e químicos, de uso agropecuário, o local vai funcionar como uma central de recolhimento do material, que será enviado para fora do Estado, para ser industrializado e reutilizado.

Empresários de 14 empresas revendedoras dos produtos, criaram a Associação dos Revendedores de Agroquímicos de Porto Velho (Arapev), reunindo entre eles duas lojas de Candeias do Jamari. Durante três anos, eles batalharam para a construção da unidade de recolhimento, que vai funcionar das 08hs ao meio dia, de segunda a sexta-feira. O prédio fica localizado no KM 13 da BR-364, saída para Candeias. "Desde 2000 que está em vigor a lei 9.974, obrigando ás empresas que revendem os produtos agrotóxicos a recolherem as embalagens vazias. Agora, estamos nos adequando á legislação e promovendo uma ação que beneficia ao meio ambiente e à saúde dos agricultores e de suas famílias", explicou Pedro Antonio Pereira, presidente da Arapev.

Leandro Bezerra, diretor técnico da agência Idaron, representou o presidente Lorival Amorim na solenidade de inauguração que aconteceu no final da tarde desta segunda-feira, disse que a agência vai aumentar a fiscalização das empresas que descumprem as normas, não oferecendo estrutura para que o produtor devolva as embalagens utilizadas. "A agência Idaron é parceira do projeto, que é uma ação de proteção ambiental e também de saúde. Vamos aumentar a fiscalização contra as empresas que descumprem essa norma", completou.

Após recolhidos, os recipientes serão encaminhados ao Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (Inpev), que se encarrega de viabilizar a industrialização do produto retirado do meio ambiente, reduzindo os riscos de contaminação com a reutilização das embalagens.


Fonte: DECOM

Mais Sobre Meio Ambiente

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Um acordo no valor de R$ 2,7 milhões homologado pela Justiça do Trabalho em Ji-Paraná/RO beneficiará projetos sustentáveis que visam o tratamento e re

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

O rio Madeira atingiu na segunda-feira (9) a cota de 15,24 metros, um pouco acima da média (15 metros), mas longe de uma enchente como a registrada em

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

O prefeito Hildon Chaves se reuniu no Prédio do Relógio (sede do poder executivo) na manhã desta segunda-feira (09), acompanhado do secretário adjunto

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Sessenta Policiais Militares do Batalhão de Polícia Ambiental, de todo o Estado, participaram na manhã desta sexta-feira (28/2) da Oficina sobre