Porto Velho (RO) domingo, 23 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Diário da Amazônia: Estiagem compromete abastecimento



Verão amazônico castiga população de Porto velho. Os poços estão praticamente  secos, tanto os residenciais quanto os dos sistemas independentes de  abastecimento da Companhia de Águas e Esgotos de Rondônia (Caerd) que abastecem  as Zonas Sul e Leste da Capital. A estiagem deste ano já deixou dois bairros sem  água. Isto há mais de uma semana. Os moradores do Conjunto Buritis, no bairro  Escola de Polícia (Zona Leste), e do bairro Cidade do Lobo (Zona Sul), amargam  dia após dia a falta de água nas torneiras. Esta quando vem é barrenta e  insalubre, incompatível para o consumo.

Mesmo sabendo que essa água suja que vem às torneiras é inviável para o uso doméstico, a técnica em enfermagem Silvana de Oliveira Melo, 37, enche as bacias  com o líquido amarronzado. Não tem jeito, a casa não conta com poço artesiano,  depende exclusivamente da Caerd. Essa é a água que vai servir para lavar as  louças e as roupas e limpar a casa. Ao menos isso. Ela costuma comprar água  mineral para beber. Silvana conta que há cerca de duas semanas o conjunto fica  sem abastecimento durante dois e até três dias seguidos e na última semana a  água passou a chegar com aspecto sujo e barrento e com menor força.

A doméstica Elcione Serra, 26, conta que há mais ou menos oito dias começou a  faltar água da Caerd no Conjunto Buritis, e que a casa onde trabalha não conta  com poço, mas possui uma caixa grande o suficiente para armazenar água bastante  para abastecer a casa nos dias em que esta não chega às torneiras.

Elcione mora no bairro Tancredo Neves. A casa dela conta com rede de água, mas o  abastecimento não ocorre todos os dias, ela também dispõe de um poço artesiano,  que se encontra praticamente seco e a pouca água disponível não serve para  beber, apenas para fazer alguns serviços domésticos.

Há quatro dias sem uma gota de água nas torneiras, o auxiliar administrativo  Carlos Alberto Souza da Silva, 26, está pegando água com os vizinhos que estão ligados à mesma rede que abastece grande parte do bairro Escola de Polícia que  não está com problemas no abastecimento. Segundo Carlos Alberto, a Caerd alega  que o poço responsável por abastecer o Conjunto Buritis estaria seco, mas não  comunicou se seriam tomadas as providências para resolver o problema.

Caerd

A reportagem do Diário tentou contato com as administrações da Caerd da Zona Sul  e Leste. A administração da Zona Leste informou que não sabia do problema no  Conjunto Buritis, apenas da falta de água do Conjunto Habitar Brasil, e que uma  equipe já teria se deslocado até o local, na manhã de ontem, para diagnosticar o  problema. Na Zona Sul, a administração informou que os poços estão secos e que  estava tentando resolver o problema. Por enquanto eles só sabiam da falta de  água no bairro Cidade do Lobo, e este estaria sendo abastecido por carros pipa
da empresa.

Poços artesianos

Ao contrário da Zona Norte que é abastecida por água tratada do Rio Madeira, as  Zonas Sul e Leste contam com poços profundos industriais, são estes que estão  secando por causa do forte verão amazônico e comprometendo diretamente o  abastecimento de água de alguns bairros da Capital.

FONTE: JORNAL DIÁRIO DA AMAZÔNIA / REPÓRTER: CYNTIA DIAS

Mais Sobre Meio Ambiente

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

O Sistema Cantareira, que abastece parte da capital paulista e da Região Metropolitana, estava com quase 60% da capacidade um ano antes da crise de 20

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Agentes reguladores estão avaliando a medida provisória

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Um grupo de 30 crianças da Fundação JiCred plantou mudas de ipê e flamboyant no Parque Ecológico Municipal. A ação foi realizada pelo Sistema Cooperat