Porto Velho (RO) quarta-feira, 1 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Deputado defende moratória para desmatamento na Amazônia



O deputado Sarney Filho (PV-MA) defendeu uma moratória para desmatamento na Amazônia até que se concluam os processos de regularização fundiária e de zoneamento ecológico-econômico (ZEE) em todos os estados da região. Ao participar de audiência da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, o deputado ressaltou que a floresta estoca gases do efeito estufa, apresenta grandes possibilidades de exploração da biodiversidade e interfere no regime de chuvas do País, o que afeta diretamente a agricultura.

"Não creio que desmatar a Amazônia seja necessário para a produção de alimentos. Pelo contrário, o desmatamento afeta o equilíbrio do clima, o que pode prejudicar a produção em outras regiões do País", disse.

Sarney Filho é autor de um projeto (PL 5398/05) que suspende por um ano a emissão de novas autorizações para o desmatamento da floresta, para que sejam realizados estudos e fiscalização nas áreas já degradadas e planos de manejo sustentável para aquelas em via de exploração.

Combate ao desmatamento

Na audiência, o deputado Moreira Mendes (PPS-RO) criticou as ações de combate ao desmatamento do governo federal, como a Operação Arco de Fogo (repressão a madeireiras ilegais a partir de atuação da Polícia Federal, da Força Nacional de Segurança e do Ibama). Segundo ele, o governo não apresenta propostas para beneficiar os desempregados com o fechamento das madeireiras.

"Temos que encontrar soluções efetivas. Quem quiser manter a floresta em pé tem que colocar a mão no bolso e pagar. É preciso ter compensação ambiental, mas não há projeto do governo nesse sentido", disse Mendes.

Pecuária

Já o deputado Homero Pereira (PR-MT) elogiou a proposta do governador de Mato Grosso, Blairo Maggi, de transformar pastagens degradadas em áreas de agricultura. "Essa é uma forma inteligente de recompor as áreas degradadas. Quando a pecuária voltar à área usada pela agricultura será possível intensificar a criação de gado."

Maggi disse na audiência que, com essa proposta, será possível aumentar a produtividade de 1 cabeça de gado por hectare/ano para 4 cabeças por hectare/ano.

A audiência foi encerrada há pouco. O evento foi sugerido pelos deputados Sarney Filho, Moreira Mendes e Homero Pereira.

Fonte: Agência Câmara

Mais Sobre Meio Ambiente

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Um acordo no valor de R$ 2,7 milhões homologado pela Justiça do Trabalho em Ji-Paraná/RO beneficiará projetos sustentáveis que visam o tratamento e re

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

O rio Madeira atingiu na segunda-feira (9) a cota de 15,24 metros, um pouco acima da média (15 metros), mas longe de uma enchente como a registrada em

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

O prefeito Hildon Chaves se reuniu no Prédio do Relógio (sede do poder executivo) na manhã desta segunda-feira (09), acompanhado do secretário adjunto

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Sessenta Policiais Militares do Batalhão de Polícia Ambiental, de todo o Estado, participaram na manhã desta sexta-feira (28/2) da Oficina sobre