Porto Velho (RO) segunda-feira, 24 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Comunidades ribeirinhas e quilombolas visitadas pela CAO-INF


Técnicos do Centro de Apoio Operacional da Infância e da Juventude (CAO-INF), a pedagoga Ana Lúcia Cortez de Medeiros e o assessor jurídico Fausto Martuscelli Monteiro, farão parte de uma equipe que envolverá técnicos das Secretarias Estadual do Meio Ambiente (SEDAM) e da Educação (SEDUC), e outros órgãos que durante o período compreendido entre 29 de janeiro a 10 de fevereiro percorrerão o Vale do Guaporé com o objetivo de conhecer a realidade das comunidades ribeirinhas e quilombolas.

O trabalho do Centro de Apoio consiste em realizar um levantamento da oferta dos serviços públicos destinados a estas populações, com ênfase na área da infância e juventude, observando aspectos pedagógicos, atendimento a saúde, bem como as condições físicas das edificações públicas utilizadas nessas atividades.

O convite para essa parceria partiu da Secretaria Estadual de Educação e foi acolhido pelo Diretor do CAO-INF, Procurador de Justiça Rodney Pereira de Paula, que vê nessa oportunidade uma forma de levar orientação técnica e aproximar o Ministério Público das comunidades.

Fonte: CAO-INF/ MPRO

Mais Sobre Meio Ambiente

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

O Sistema Cantareira, que abastece parte da capital paulista e da Região Metropolitana, estava com quase 60% da capacidade um ano antes da crise de 20

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Agentes reguladores estão avaliando a medida provisória

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Um grupo de 30 crianças da Fundação JiCred plantou mudas de ipê e flamboyant no Parque Ecológico Municipal. A ação foi realizada pelo Sistema Cooperat