Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Coleta seletiva será ampliada a mais dois bairros de PVH



Mais dois bairros de Porto Velho deverão receber o serviço de coleta seletiva de lixo que está sendo implantado pela prefeitura na capital. Hoje o novo sistema já atende quatro bairros. O Rio Candeias, Alphaville, Ulisses Guimarães e Jardim Santana. A previsão é de que o serviço seja ampliado ainda este ano para o Tancredo Neves e outro bairro que pode ser o Santo Antônio ou o Nova Floresta.

O coordenador municipal de Limpeza Urbana, Emanuel Neri, da Secretaria Municipal de Serviços Básicos (Semusb), adiantou que o novo sistema ainda está em avaliação para saber qual a melhor forma de abordagem à população para conscientizá-la da necessidade de implantação da coleta seletiva. “O novo sistema foi iniciado pelo Rio Candeias e Alphaville. Fizemos questão de pegar populações de perfil econômico diferente para saber como seria a aceitação delas, pois tudo o que é novidade, gera certa resistência”, afirmou o coordenador.

Nas primeiras semanas, os moradores do Rio Candeias apresentaram um desempenho melhor do que o do Alphaville, o que levou a coordenação a intensificar a campanha de educação ambiental no Alphaville. Hoje os resultados são diferentes, com o Alphaville passando a se adaptar melhor à coleta seletiva.

Para Emanuel Neri, é primordial identificar qual e melhor forma de abordagem para que o novo sistema passe a ter o resultado esperado. Já foi constatada que a técnica de abordagem não pode ser a mesma em todos os bairros. Por isso é preciso discutir com a comunidade como fazer a abordagem, até porque, até o próximo ano, a tendência é que a coleta seletiva seja universalizada na cidade.

Encontros pontuais na casa dos moradores, também passarão a ser agendadas. Para isso, nos dias de coleta seletiva o caminhão do lixo sairá acompanhado de um fiscal que virá logo atrás. Esse fiscal terá a incumbência de anotar o endereço do morador que ainda não está fazendo a separação do lixo úmido do seco, e dos que não colorem o lixo para ser recolhido no dia da coleta seletiva. “De posse desses endereços, iremos visitar cada um desses moradores para saber porque deles ainda não estarem fazendo a separação do lixo. E estimulá-los a passarem a adotar esse hábito. Também estamos orientando os coletores para não recolher o lixo que não estiver devidamente separado. Quem colocar o lixo misturado ou não disponibilizar o lixo no dia da coleta seletiva, esse material não será recolhido”, explicou.

Fonte: Joel Elias
Fotos: Medeiros

 

Mais Sobre Meio Ambiente

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE, participaram no auditório da Federação durante dois dias, da 4° etapa da implantação do programa

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

O Brasil tem 790 barragens de rejeitos de minérios, e mais de 300 delas não foram classificadas em relação ao seu risco de rompimento e ao potencial d

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Os R$ 4 milhões também servirão para elaborar o Plano Municipal de Saneamento Básico e o Plano de Gerenciamento de Resíduos SólidosMais uma vitória im

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Ontem (31/01), a Fundação SOS Mata Atlântica deu início à Expedição Paraopeba, que irá percorrer 356 km deste rio, de Brumadinho à Hidroelétrica Retir