Segunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Campanha contra a aftosa lançada neste sábado


A 23ª Campanha de Vacinação Contra a Febre Aftosa será lançada neste sábado às 9h30, no Balneário Refúgio Ecológico do município de Alta Floresta, com a participação do governador Ivo Cassol, produtores rurais e autoridades convidadas. A campanha é realizada graças à parceria bem-sucedida do Governo do Estado, por meio da Agência Idaron, Ministério da Agricultura (Mapa) e o Fundo Emergencial de Erradicação da Febre Aftosa (Fefa), além do papel decisivo dos pecuaristas.

"Isoladamente, o Governo teria dificuldades para conseguir vacinar todo o nosso rebanho bovino. Por isso, é importante destacar o trabalho em parceria com outros órgãos governamentais, junto com o Fefa, e principalmente,  enfatizar o comprometimento dos criadores, que estão sempre atentos e vacinando o gado em todas as campanhas", observou o governador.

De acordo com o presidente da Idaron, Lorival Amorim, Alta Floresta foi escolhido para o lançamento dos trabalhos por fazer fronteira com a Bolívia, país que aumentou a preocupação das autoridades e produtores rurais de Rondônia depois que o presidente Evo Morales afirmou que não daria prioridade às ações de combate a esta doença. Lorival informou que a vacinação acontecerá de 15 de outubro a 15 de novembro, com previsão de imunizar todo o rebanho rondoniense, estimado em 11 milhões de cabeça de gado. A comunicação, que é obrigatória, deverá ser feita à Idaron até o dia 23 do próximo mês.

Cassol reforçou o chamamento a todos os pecuaristas do Estado, para que vacinem seu rebanho, garantindo o status de Rondônia como zona livre da febre aftosa, com vacinação. "Não podemos relaxar. Não adianta vacinar uma vez e depois esquecer. É preciso estar vigilantes e manter a aftosa longe do nosso rebanho", explicou.

O presidente da Idaron fez questão de ressaltar que o Governo do Estado tem investido na sanidade animal, com recadastramento e incentivo à vacinação, mantendo o status de livre da aftosa por meio da vacinação e garantindo ao mercado produtos e subprodutos mais seguros, reconhecidos por organizações internacionais, como a OIE. Todo esse trabalho, na avaliação de Lorival Amorim, só tem sido possível "graças ao apoio incondicional do Fefa/RO, parceiro desde 1999, que sempre coloca à disposição da Idaron funcionários administrativos para substituírem os técnicos de campo da Idaron durante as campanhas, quando os escritórios ficam lotados de produtores apresentando declarações".

Fonte: Decom

Gente de OpiniãoSegunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Ibama define nova prioridade para enfrentar perdas na biodiversidade e a crise climática

Ibama define nova prioridade para enfrentar perdas na biodiversidade e a crise climática

Neste ano em que completa 35 anos, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) comemora o impacto do trabalho

Megaoperação destrói infraestrutura criminosa na Terra Indígena Yanomami

Megaoperação destrói infraestrutura criminosa na Terra Indígena Yanomami

As Forças de Segurança do governo brasileiro estão em ação conjunta ao redor e dentro da Terra Indígena Yanomami para impedir atividades criminosas

Projeto do CIMCERO e TJ-RO amplia estrutura para beneficiar viveiros em Rondônia

Projeto do CIMCERO e TJ-RO amplia estrutura para beneficiar viveiros em Rondônia

A parceria entre o Consórcio Público Intermunicipal de Rondônia (CIMCERO) e o Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia tem incentivado junto as pre

Gente de Opinião Segunda-feira, 15 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)