Porto Velho (RO) sábado, 23 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Batalhão Ambiental flagra matança de botos


 

Elaíze Farias
 A Crítica

Sete pessoas foram flagradas no final da manhã do último sábado (21) tentando abater botos em uma área do Cacau Pireira, no município de Iranduba. As pessoas foram identificadas como Pedro Amaral de Oliveira, 40, João Carvalho Duarte, 55, Raimundo Sobreira da Silva, 39, Ilzemar da Silva Leite, 35, João Trindade da Silva, 39, Erinaldo Pereira de Araújo, 41 e um menor, de 17 anos.

Os pescadores foram flagrados pelo policiamento ambiental que monitorava a área neste sábado.

Os animais estavam sendo abatidos para que suas carnes sejam transformadas em iscas do peixe piracatinga, que em Manaus é vendido com o nome de douradinha.

Segundo o chefe da operação, tenente Marcos Pires, os pescadores presos serão encaminhados ao posto do Batalhão, que fica na Marina do Davi. Eles já ficarão no local até segunda-feira (23), quando serão encaminhados para a Delegacia Especializada em Meio Ambiente (Dema).

Flagrante

Conforme Pires, no momento da chegada dos fiscais, foi observado que oito botos estavam sendo cercados pelos pescadores. Os fiscais conseguiram dispersar os animais.

Dois dos mamíferos aquáticos, contudo, ficaram presos nas redes. Um foi solto pelos fiscais mas o outro, atingido por um arpão, morreu.

O corpo do boto foi trazido a Manaus por veterinários do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa).

Nesta semana, o chefe de fiscalização do Ibama, Jérffenson Lobato, informou ao portal acritica.com que o consumo de douradinha tem incentivado o abate de botos nas calhas dos rios amazônicos.

Os peixes abastecem supermercados e lojas especializadas de Manaus. O animal também é exportado para o exterior e o mercado paulista.

Foto ilustrativa: Gentedeopinião
 

Mais Sobre Meio Ambiente

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE, participaram no auditório da Federação durante dois dias, da 4° etapa da implantação do programa

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

O Brasil tem 790 barragens de rejeitos de minérios, e mais de 300 delas não foram classificadas em relação ao seu risco de rompimento e ao potencial d

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Os R$ 4 milhões também servirão para elaborar o Plano Municipal de Saneamento Básico e o Plano de Gerenciamento de Resíduos SólidosMais uma vitória im

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Ontem (31/01), a Fundação SOS Mata Atlântica deu início à Expedição Paraopeba, que irá percorrer 356 km deste rio, de Brumadinho à Hidroelétrica Retir