Porto Velho (RO) segunda-feira, 18 de fevereiro de 2019
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Ambientalista pede limpeza de ilhas de plástico nos oceanos


Da Agência / Lusa

Sydney (Austrália) – O cientista e ecologista canadense David Suzuki, conhecido pelas séries de televisão sobre o meio ambiente, apelou hoje (20) em Sydney, na Austrália, pela limpeza das chamadas “sopas de plástico” nos oceanos.

Em entrevista à cadeia ABC, Suzuki disse que “alguém tem de limpar” essas enormes ilhas de plástico que podem ultrapassar o tamanho do estado norte-americano do Texas e que têm pequenos detritos que são confundidos com o plâncton pelos peixes. 

As “sopas de plástico”, descobertas pela primeira vez em 1997, vão se formando e aumentando de tamanho por ação das correntes marítimas.

O ambientalista está na Austrália para participar de campanha pela proteção dos oceanos. Ele alertou também para as consequências da pesca indiscriminada e da acidificação dos mares pela queima de combustíveis fósseis.

Suzuki apelou aos governos para que peçam a ajuda de cientistas para amenizar os efeitos das alterações climáticas e criticou os governos conservadores de países como o Canadá e a Austrália por ignorarem informação científica sobre o meio ambiente. Disse que são gastos milhões de dólares para tentar convencer a maioria das pessoas de que a ciência relacionada com as alterações climáticas é um absurdo.

Ele admitiu que os custos da limpeza são elevados, mas disse que alguém tem de fazer a limpeza doméstica do mundo. As ações para mitigar as alterações climáticas são incômodas do ponto de vista econômico, mas a sobrevivência do mundo está em jogo”, enfatizou.

David Suzuki criticou ainda o novo governo australiano, liderado por Tony Abbott, por suspender a Comissão de Alterações Climáticas e desmantelar a Autoridade de Mudanças Climáticas.

Mais Sobre Meio Ambiente

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/RO participam da 4º etapa de implantação do Programa ECOS de Sustentabilidade

Colaboradores do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE, participaram no auditório da Federação durante dois dias, da 4° etapa da implantação do programa

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

Barragens de minérios: Onde estão as outras com alto potencial de estrago ou alto risco

O Brasil tem 790 barragens de rejeitos de minérios, e mais de 300 delas não foram classificadas em relação ao seu risco de rompimento e ao potencial d

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Porto Velho: Prefeitura destrava recurso de compensação social para Aterro Sanitário

Os R$ 4 milhões também servirão para elaborar o Plano Municipal de Saneamento Básico e o Plano de Gerenciamento de Resíduos SólidosMais uma vitória im

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Brumadinho: Qualidade da água do rio Paraopeba é considerada ruim. Veja as imagens

Ontem (31/01), a Fundação SOS Mata Atlântica deu início à Expedição Paraopeba, que irá percorrer 356 km deste rio, de Brumadinho à Hidroelétrica Retir