Porto Velho (RO) domingo, 27 de maio de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Águas da enchente do Madeira vêm do Peru, Bolívia e Mato Grosso


Gente de Opinião

As chuvas na região do mapa delineada em vermelho irão
influenciar no nível das águas do rio Madeira

Para o técnico, “o nível das chuvas em Rondônia estão dentro da média histórica. O que contribuiu para esta grande enchente foram as fortes chuvas no sul do Peru e Bolívia”, afirmou. Para se ter uma ideia, nos últimos dias a precipitação naquela região foi em torno de 200 milímetros (mm) e estas águas levam de 5 a 8 dias para chegar à região alagada.
 
Gente de Opinião

Com essas fortes chuvas, o nível do rio Madeira deve chegar aos 19,30metros até o dia 20 de março. “Após isso, a tendência é a estabilização, pois as chuvas serão mais esparsas”, mas segundo o meteorologista, o rio continuará cheio devido a estas chuvas e por ser uma região de planície, que demora mais para a água escoar.

Pelas informações coletadas pelo Sipam, no mês passado em Rondônia choveu menos que o normal. Por isso, a contribuição da enchente é da bacia dos Andes, pois a contribuição das chuvas em Rondônia foram muito pequenas.

Régua

Segundo Gama, a média histórica do rio Madeira para o mês de março é de 15,30m. Houve anos que subiu mais, outros menos. “Esta é a média que temos registrada”, disse Marcelo. No entanto, algumas pessoas divulgam erroneamente que o rio está 19 metros acima do nível. “Consideramos o nível esta média histórica para este período, que é em torno de 15,30m. Portanto, o rio está 3,8 – 4 m acima do nível histórico registrado”, afirmou.
 
Gente de Opinião

A medição do rio Madeira é realizada hoje de duas maneiras. Uma pela régua colocada no porto da Capital e outro que é feito pela Agência Nacional de Águas, ANA, localizado na ponte, informou.

Texto e fotos: Geovani Berno
Decom - Governo de Rondônia

Mais Sobre Meio Ambiente

Sedam expõe na ALE sobre programa de recursos hídricos

          O presidente da Comissão de Meio Ambiente (CMA) da Assembleia Legislativa, deputado Jean Oliveira (MDB) recebeu na tarde desta quarta-feira

Menos de 45% do esgoto é tratado no Brasil – Investimentos em saneamento caem e meta de universalização fica cada vez mais longe

  Cristiano Carlos, Agência Rádio Mais O Plano Nacional de Saneamento Básico prevê a universalização do tratamento do esgoto e da distribuição de água

Prefeitura anuncia produção de 300 mil mudas em 2018

O Parque Natural de Porto Velho deverá produzir, em 2018, cerca de 300 mil mudas de plantas frutíferas e nativas dentro do programa Cidade Verde, da p

Prefeitura e parceiros se unem pela educação ambiental

Na manhã de terça feira (20), no auditório do Ibama, aconteceu a primeira reunião integrada entre parceiros que realizam ações de educação ambiental n