Porto Velho (RO) segunda-feira, 10 de agosto de 2020
×
Gente de Opinião

Hidrelétricas do Madeira

Audiência Pública em Guajará-Mirim sobre Hidrelétricas


O deputado Professor Dantas (PT), convocou os demais parlamentares para uma Audiência Pública que se realizará no próximo dia 16, no município de Guajará-Mirim, quando na oportunidade serão discutidos os prováveis efeitos causados naquela região em advento da construção do complexo hidrelétrico do Rio Madeira.

"Convido os nobres parlamentares a participarem desta audiência pública em Guajará-Mirim, para esclarecermos a população do município e região sobre os possíveis efeitos ou não em conseqüência da construção das usinas hidrelétricas do Rio Madeira para aquela localidade".

Prioridade para educação

O parlamentar durante o discurso no plenário, também falou sobre a atual situação dos profissionais do setor da educação, frisando que está área tem que ser prioridade nas esferas municipal, estadual e Federal.

"A educação tem que estar em primeiro lugar, mas no Brasil, tanto no âmbito nacional, estadual e municipal, deixa muito a desejar. Temos que olhar mais pelos profissionais da Educação e valorizá-los com melhores salários" afirmou Professor Dantas.

"Se olharmos nos contra-cheques de muitos servidores da educação, muitos não chegam a ganhar R$ 400. É impossível que um profissional consiga sustentar sua família com um salário deste. No Japão, a valorização do profissional da educação está acima de qualquer outra profissão, pois naquele país a educação é prioridade. Sem educação, esporte e lazer, não há condições de vida" argumentou o parlamentar.
"O apelo que faço aqui nesta Casa de Leis é para olharmos a área da educação como prioridade. A educação tem que estar em primeiro lugar. Em relação ao Sintero, vamos manter a calma. Vamos falar com o governador Ivo Cassol e manter um canal de negociações para que a atual situação se resolva sem que ninguém seja prejudicado, pois uma greve neste momento prejudicará a todos, professores, alunos e sociedade em geral" ponderou o parlamentar.

Fonte: Decom - Ítalo Santos

Mais Sobre Hidrelétricas do Madeira

Iniciadas as obras de proteção das margens do rio na região da Madeira-Mamoré

Iniciadas as obras de proteção das margens do rio na região da Madeira-Mamoré

A população de Porto Velho pode comemorar o início das obras que fazem parte do importante projeto de revitalização do complexo da Estrada de Ferro

Hidrelétrica Santo Antônio completa quatro anos de geração

Hidrelétrica Santo Antônio completa quatro anos de geração

Porto Velho, março de 2016.Dia 30 de março marca os quatro anos desde o início de geração da Hidrelétrica Santo Antônio, localizada no rio Madeira, em

Estudantes de engenharia elétrica do acre visitam Jirau

O canteiro de obras da Usina Hidrelétrica Jirau foi cenário de estudo dos estudantes do primeiro período do curso de Engenharia Elétrica da Universida

Governo faz mega desapropriação em Belo Monte

BRASÍLIA – A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) formalizou na última terça-feira (3) a última desapropriação de terras para a construção da