Porto Velho (RO) sábado, 20 de julho de 2019
×
Gente de Opinião

Hidrelétricas do Madeira

Hidrelétrica Santo Antônio completa quatro anos de geração


Hidrelétrica Santo Antônio completa quatro anos de geração - Gente de Opinião

Porto Velho, março de 2016.Dia 30 de março marca os quatro anos desde o início de geração da Hidrelétrica Santo Antônio, localizada no rio Madeira, em Porto Velho, Rondônia.

A partir do final deste ano, das 50 turbinas, seis delas terão sua energia dedicada exclusivamente para Rondônia e Acre, atendendo aproximadamente 40% do consumo desses estados.

Atualmente, são 38 turbinas em operação comercial, com a potência instalada de 2.714,72 Megawatts – 76% da capacidade total da hidrelétrica quando estiver totalmente pronta, em novembro deste ano, com 50 turbinas em funcionamento.

A outra parte dessa energia limpa e de fonte renovável percorre mais de 2.400 quilômetros até Araraquara, no interior paulista, para abastecer o sudeste e outras regiões brasileiras, por meio do Sistema Interligado Nacional - SIN.

Fonte: Santo Antônio Energia / Carla Nascentes

Mais Sobre Hidrelétricas do Madeira

Iniciadas as obras de proteção das margens do rio na região da Madeira-Mamoré

Iniciadas as obras de proteção das margens do rio na região da Madeira-Mamoré

A população de Porto Velho pode comemorar o início das obras que fazem parte do importante projeto de revitalização do complexo da Estrada de Ferro

Estudantes de engenharia elétrica do acre visitam Jirau

O canteiro de obras da Usina Hidrelétrica Jirau foi cenário de estudo dos estudantes do primeiro período do curso de Engenharia Elétrica da Universida

Governo faz mega desapropriação em Belo Monte

BRASÍLIA – A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) formalizou na última terça-feira (3) a última desapropriação de terras para a construção da

Santo Antônio Energia entrega Igreja em reassentamento

Santo Antônio Energia entrega Igreja em reassentamento

Com uma missa celebrada pelo Arcebispo de Porto Velho, Dom Moacyr Grecchi, e pelo pároco, padre Jaime Luiz, foi entregue à comunidade do reassentament