Porto Velho (RO) domingo, 24 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Evento

O CineAmazônia acontece entre os dias 15 e 18 de novembro em Porto Velho


CINEAMAZONIA
Uma Sala de Cinema no Terreiro de Candomblé

Essa é uma das surpresas que promete a versão 2006 do Festival de Cinema - CineAmazônia que acontece de 15 a 18 de Novembro em Porto Velho e é quando será lançado em Rondônia o filme Cidade das Mulheres (2005) o primeiro longa-metragem documentário do famoso cineasta Lázaro Faria.

Tudo começou em 1938, quando a antropóloga norte-americana Ruth Landes veio ao Brasil e deu início a uma pesquisa na Bahia, a pesquisa tem como base a raça negra e traz à tona a força e a soberania que as mulheres do candomblé exerciam, formando uma organização matriarcal. Seu pensamento é um dos fios condutores deste documentário, ilustrado por imagens das festas populares e dos cultos africanos, das famosas mães-de-santo e da beleza exuberante da cidade de Salvador.

O longa apresenta a Mãe Estela, Yalorixá do terreiro Axé Opó Afonjá - um dos mais antigos e conceituados da Bahia -, que conta a história do candomblé e de sua própria vida. Ela discute o matriarcado, a energia das mulheres e o sincretismo no Brasil. Por fim, fala do futuro e da esperança que tem na continuidade e na força do candomblé. Uma verdadeira metamorfose vai se processando durante uma viagem narrada em detalhes: da Universidade de Columbia, onde "havia o sentimento geral de que eu estava sendo mandada ao extremo do tabuleiro do mundo, de onde somente a sorte me pouparia de cair", até o encontro com Mãe Menininha no Terreiro do Gantois, em quem ela percebe uma mulher independente, admirada, dona de si. O candomblé e, especialmente, o lugar das mães-de-santo na sociedade baiana impressionam Ruth Landes.

Além disso, vale ressaltar que a visita de Ruth Landes acontece em plena ditadura de Getúlio Vargas, tendo sido perseguida e confundida como uma espiã comunista. Com uma percepção fina e sensível, ela foi capaz de apontar algumas singularidades do candomblé baiano, como a tendência ao aumento gradual do poder feminino e do número de mães-de-santo, nos candomblés mais tradicionais, e do de "homossexuais passivos", nos candomblés de caboclo.

O resultado disso foi que somente em 1967 Ruth Landes conseguiu lançar o livro onde relatava toda sua pesquisa.

 Lázaro Faria é um importante diretor, produtor e diretor de fotografia de cinema, vídeo e filmes publicitários, além de profundo conhecedor do espírito do povo baiano. Desde o início da sua carreira, dirigiu, produziu e fotografou mais de 1.000 comerciais em película para importantes clientes como: Telebrás, Correios e Telégrafos, Governo da Bahia e de Pernambuco, Fundação Roberto Marinho, dentre inúmeros outros clientes e já arrebatou muitos prêmios, como por exemplo: Prêmio Profissionais do Ano, da Rede Globo, em 1988, 1989 e 1990. Como diretor de Cinema, dirigiu, fotografou e produziu os curtas: "Amazônias" - uma viagem às fronteiras amazônicas"; "Satytananda" - todo filmado na Índia; "Ya Omi Karodo", sobre a festa de Yemanjá, na Bahia; e dirigiu "O Corneteiro Lopes", seu último curta-metragem, finalizado em junho de 2003, ganhador do Prêmio Fernando Cony Campos, da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia. Dirigiu também o curta de ficção "O Segredo do Faraó".

O filme, A Cidade das Mulheres foi lançado no final de agosto de 2005 em Londres, Los Angeles, New York, Roma, Havana, Rio de Janeiro, Salvador, Brasília e São Paulo e agora será lançado em Rondônia dentro de um terreiro de Candomblé, trazendo toda a cultura e a sensibilidade que Rondônia tanto necessita.

Com certeza será um marco para a história cultural de Rondônia a realização de tal evento. O CineAmazonia tem o Patrocínio da Petrobrás, apoio Cultural da Brasil Telecom e do Projeto Piatam.

Mais Sobre Evento

MP-RO realiza IV Seminário de Execução Penal no dia 26 de junho

MP-RO realiza IV Seminário de Execução Penal no dia 26 de junho

O Ministério Público do Estado de Rondônia, por meio do Centro de Apoio Operacional de Politicas Penitenciárias e Execução Penal (CAOP-PPEP), vai real

Coordinfância do MPT promove Audiência Pública para debater ações de rede no combate ao trabalho infantil em Rondônia

Coordinfância do MPT promove Audiência Pública para debater ações de rede no combate ao trabalho infantil em Rondônia

Evento é aberto inclusive à comunidade estudantil e tratará sobre a exploração sexual envolvendo crianças e adolescentes,

Fenavist e Sindespe, em parceria com a Fecomécio-RO, realizam encontro sobre  eSocial e Reforma Trabalhista

Fenavist e Sindespe, em parceria com a Fecomécio-RO, realizam encontro sobre eSocial e Reforma Trabalhista

O encontro que vai debater dois grandes temas de interesse de empresários, acadêmicos, profissionais da área Contábil, Administração e advogados.

 Produtos de Rondônia na Rodada de Negócios da Fispal 2018

Produtos de Rondônia na Rodada de Negócios da Fispal 2018

Bons negócios à vista: Sebrae apoia empreendedores