Porto Velho (RO) sexta-feira, 21 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Situação regulatória e de sócios derrubam ratings de debêntures da Saesa


 

Fitch rebaixou ratings de longo prazo da terceira
emissão da UHE Santo Antônio de 'AA-(bra)' para 'A-(bra)'


Da Agência CanalEnergia
 

A agência de classificação de risco Fitch Ratings rebaixou nesta sexta-feira, 4 de março, os ratings nacionais de longo prazo da terceira emissão de debêntures da Santo Antônio Energia. Tanto da primeira séria, no montante de R$ 200 milhões, com vencimento em abril de 2022, quanto da segunda série, de R$ 500 milhões, com vencimento em abril de 2024, os ratings foram rebaixados de 'AA-(bra)' para 'A-(bra)'.
 
Segundo a Fitch, a ação de rating reflete a deterioração da qualidade de crédito do grupo Andrade Gutierrez, um dos acionistas do projeto. O rating da terceira emissão de debêntures da Saesa também reflete a dependência do projeto da hidrelétrica de Santo Antônio de aportes de recursos adicionais por parte dos acionistas, de acordo com os cenários estimados pela agência, para pagamento de suas obrigações. Estas obrigações incluem penalidades relativas ao Fator de Disponibilidade das Turbinas (FID) e ao déficit do Generating Scalling Factor (GSF).
 
A Saesa sofreu penalidades sobre o FID, que chegou a ser considerado no valor mínimo de 91%. Após revisões de metodologia de cálculo da Agência Nacional de Energia Elétrica, o FID do projeto está em torno de 96,0%, cenário considerado pela Fitch, e que representa uma penalidade de 3,5% sobre o FID previsto nos contratos de PPA.
 
A construção da UHE Santo Antônio encontra-se com 100% de sua obra civil concluída e as montagens das turbinas em estágios avançados e de acordo com o cronograma previsto. A usina conta com 38 turbinas operacionais, com capacidade de geração acima de sua garantia física, de 2.218 MW médios. A expectativa é de que a usina esteja 100% operacional até novembro de 2016. A construção do projeto é realizada por um consórcio liderado pela Construtora Norberto Odebrecht.

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão também analisou outros projetos que seguem para votação em Plenário...

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de Transposição de Peixes da UHE Jirau foi projetado pelos melhores especialistas no assunto

Coopprojirau e Observatório ambiental visitam UHE Jirau

Coopprojirau e Observatório ambiental visitam UHE Jirau

A Energia Sustentável do Brasil (ESBR), concessionária da Usina Hidrelétrica (UHE) Jirau, mantém uma agenda de visitas institucionais que inclui os pr