Porto Velho (RO) sexta-feira, 21 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Santo Antônio Energia participa do 7º Fórum Mundial da Água


 

Durante o evento, serão apresentadas iniciativas que fizeram com que a hidrelétrica alcançasse o maior número de notas máximas, entre todos os participantes no mundo, na categoria Implantação em avaliação realizada pela IHA, e as oportunidades hidrelétricas da região Amazônica.


A Hidrelétrica Santo Antônio, localizada no rio Madeira, em Porto Velho (Rondônia), participa do 7º Fórum Mundial da Água, o maior evento do planeta sobre o tema água e que será realizado entre 12 e 17 de abril em Daegu, na Coreia do Sul.

Na segunda vez como palestrante do evento, representantes da Santo Antônio Energia participarão de três encontros diferentes:

Dia 14 de abril

  • Sessão Regional das Américas, com o tema Água e Energia, abordando os modelos de hidrelétricas com e sem reservatórios e os efeitos de cada um em relação à produção de energia. Também participam deste painel representantes dos Estados Unidos e México. 

Dia 15 de abril (duas participações)

  • Apresentação no Pavilhão Brasil, com o tema Geração Sustentável de Energia na Amazônia, dirigida para representantes brasileiros e de outras nações durante visita ao estande brasileiro.
  • Participação na mesa de debates do High-level Panel Gestão Integrada dos Recursos Hídricos, que conta com representantes de Miamar, África do Sul, além do Brasil, e de representantes do Conselho Mundial da Água de outras nações.

Focada no compromisso de geração de energia de fonte limpa e renovável, com o melhor conceito de sustentabilidade, o gerente de sustentabilidade, Guilherme Abbad, destacará as iniciativas que fizeram com que o empreendimento alcançasse o maior número de notas máximas na categoria Implantação em avaliação realizada pela IHA – International Hydropower Association – uma organização sem fins lucrativos, fundada há quase vinte anos com o suporte da UNESCO, que mede a sustentabilidade de empreendimentos hidrelétricos.

O IHA já avaliou 12 hidrelétricas no mundo e a Santo Antônio Energia foi a única a obter o maior número de notas máximas.

Notas máximas em 70% da avaliação

Na avaliação, a associação analisou 20 tópicos:        Comunicação, Governança, Questões Sociais e Ambientais, Gerenciamento Integrado do Projeto, Segurança da Infraestrutura, Viabilidade Financeira, Benefícios do Projeto, Aquisições e Contratações, Comunidades Afetadas pelo Projeto e Modo de Vida, Reassentamento, Indígenas, Mão de Obra e Condições de Trabalho, Herança Cultural, Saúde Pública, Biodiversidade e Espécies Invasoras, Erosão e Sedimentação; Qualidade de Água, Resíduos, Ruídos e Qualidade do ar, Enchimento do Reservatório, Regime de Fluxos e Jusante.

Estes tópicos são baseados em diferentes quesitos: avaliação, gestão, comunicação com stakeholders, apoio das partes interessadas, concordância, conformidade e resultados.

Para esta avaliação, foram apresentados 375 documentos, realizadas 283 entrevistas com profissionais da Santo Antônio Energia, comunidade – incluindo reassentados, garimpeiros e população indígena –, órgãos governamentais, profissionais de outras empresas etc. 

Oportunidades hidrelétricas na Amazônia

O gerente de sustentabilidade da Santo Antônio Energia também apresentará um panorama das oportunidades hidrelétricas na região da Amazônia Brasileira, uma região rica em todos os sentidos, especialmente em termos hidrológicos e cujo potencial hídrico, independentemente do tipo de uso, é incontestável.

A Amazônia é a última fronteira para a geração sustentável de energia hídrica e do seu potencial, hoje apenas 25% são aproveitados para este fim.

Dentro da região, merece destaque Rondônia e o rio Madeira, com extensão total aproximada de 3.315 km, sendo o 17.º maior do mundo em extensão, e que representa um dos grandes potenciais hídricos do país. É nele que está instalada a Hidrelétrica Santo Antônio, que possui investimento total de R$ 20 bilhões e a partir de novembro de 2016, operando à plena carga com 50 turbinas, sua potência atingirá 3.568 Megawatts: energia suficiente para atender ao consumo de 45 milhões de pessoas.

Associada ao Conselho Mundial da Água, organismo global responsável pelo evento e pela discussão relacionada ao uso da água em diversos setores, a Hidrelétrica Santo Antônio também deverá participar do 8º Fórum Mundial da Água, que se realizará pela primeira vez no Brasil, em Brasília, em 2018.

Serviço

7º Fórum Mundial da Água

Participação Santo Antônio Energia

Dia 14/04, 17h20 às 18h15 – Questões Regionais e Desafios

Dia 15/04, das 14h40 às 16h40 - Gestão Integrada de Recursos Hídricos

Dia 16/04, das10h30 às 11h45 - Geração Sustentável de Energia na Amazônia

Palestrante: Guilherme Abbad, gerente de sustentabilidade da Santo Antônio Energia

Local: Daegu, na Coreia do Sul

Santo Antônio Energia

É a concessionária responsável pela construção e operação da Hidrelétrica Santo Antônio, localizada no rio Madeira, em Porto Velho (Rondônia), e pela comercialização da energia gerada. Os acionistas da Santo Antônio Energia são: Furnas (39%),Odebrecht Energia (18,6%), SAAG (12,4%), Cemig (10%) e Caixa FIP Amazônia Energia (20%).


Fonte: Carla Nascentes
 

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Hidrelétrica Santo Antônio comemora o Dia da Árvore com criação de bosque

Hidrelétrica Santo Antônio comemora o Dia da Árvore com criação de bosque

Na manhã de hoje, em comemoração ao Dia da Árvore, foi inaugurado um bosque na Hidrelétrica Santo Antônio. A área de mais de dois hectares, o equivale

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão da ALE aprova projetos que retiram incentivos das usinas do Madeira

Comissão também analisou outros projetos que seguem para votação em Plenário...

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de transposição de peixes da UHE Jirau é referência

Sistema de Transposição de Peixes da UHE Jirau foi projetado pelos melhores especialistas no assunto