Porto Velho (RO) terça-feira, 18 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional - Gente de Opinião

Energia e Meio Ambiente - Internacional

Energia para termos energia em 2013


Gente de Opinião
Viviane Vieira de Assis Paes


 

O “apagão” do último sábado atingiu 13,4% dos brasileiros em 12 Estados, segundo comunicado oficial do ONS - Operador Nacional do Sistema Elétrico. Ficaram sem energia cidades de Acre, Rondônia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais.
 

Eu que no momento estou em Goiânia não senti este “apagão” - com aspas mesmo porque aprendi com técnicos do setor elétrico que Apagão – com letra maiúscula e sem aspas faz um estrago muito maior do que algumas horas, em diversas cidades, simultaneamente! São termos e questões técnicas que nos, os consumidores ainda teremos dificuldade em entender. Até porque o termo “apagão” foi utilizado pela primeira vez na imprensa brasileira em 2001, na crise do setor elétrico que afetou a distribuição de energia de julho do mesmo ano até 27 de setembro de 2002. Ele foi provocado pela falta de chuvas, no período, que deixaram várias represas vazias, impossibilitando a geração de energia, aliada a falta de planejamento e investimentos no setor energético.
 

Voltando ao último final de semana... Eu não senti a falta da energia elétrica, pois no setor onde estava não houve interrupção nenhuma. Tive sorte não privilégio. Estava próxima de uma subestação elétrica que funciona como ponto de controle e transferência em um sistema de transmissão de energia elétrica, direcionando e controlando o fluxo energético, transformando os níveis de tensãoe funcionando como pontos de entrega para consumidores.
 

Ainda segundo o Segundo ONS e MME - Ministério de Minas e Energia, o apagão teve origem nas instalações da usina hidrelétrica Itumbiara, de propriedade da Eletrobras Furnas, localizada na divisa entre Goiás e Minas Gerais. Esta é uma das desvantagens do SIN – Sistema Interligado Nacional, que possibilita o compartilhamento de energia entre os diversos estados do País. Quando temos a falha no sistema elétrico de um, os outros que estão diretamente “ligados” padecem. Não tinha como ser diferente para o Brasil crescer e esta é uma das vantagens do SIN, na verdade a existência dele.
 

O Sistema permitiu que o potencial hidrelétrico da região Norte fosse compartilhado com as demais regiões e a prova disto foi o Complexo Hidrelétrico do Rio Madeira: usinas Jirau e Santo Antônio (RO) e agora Belo Monte (PA), que complementará nos próximos três anos a geração de energia do SIN.
 

Enfim, o título acima - como quase tudo em minha vida tem duplo sentido. A Energia que me referi não é apenas a elétrica. A energia que precisaremos para 2013 é a positiva, com carga máxima, mesmo sabendo que a negativa também faz parte do nosso dia a dia e sem as duas é impossível viver; energia solidária, energia para pensar; energia para sonhar... Tenhamos energia para aguentar a falta de energia de alguns, o excesso de outros; energia em carga positiva para aguentar a falta de energia – agora elétrica mesmo, quando ela faltar afinal os testes, as falhas são necessárias também para tudo dar certo no final. Eu acredito nesta energia! Fato.

O apagão suspendeu o fornecimento de energia para 13,4% dos consumidores do todo o país, e o Estado mais prejudicado foi o de Mato Grosso, com 66,6% de carga interrompida, segundo nota do ONS.

Mais Sobre Energia e Meio Ambiente - Internacional

Coopprojirau e Observatório ambiental visitam UHE Jirau

Coopprojirau e Observatório ambiental visitam UHE Jirau

A Energia Sustentável do Brasil (ESBR), concessionária da Usina Hidrelétrica (UHE) Jirau, mantém uma agenda de visitas institucionais que inclui os pr

Estudantes de engenharia visitam UHE Jirau

Estudantes de engenharia visitam UHE Jirau

Universitários conheceram algumas estruturas do empreendimento

Obras do Linhão de Machadinho e Buritis serão licitadas em Outubro

Obras do Linhão de Machadinho e Buritis serão licitadas em Outubro

Com o objetivo de conectar as cidades abastecidas de energia elétrica por usinas térmicas ao Sistema Interligado Nacional, a Eletrobras Distribuição R

Linhão vai interligar o Amazonas com as usinas de Rondônia e Pará

Linhão vai interligar o Amazonas com as usinas de Rondônia e Pará

As interligações previstas são as seguintes: a da Usina Hidrelétrica de Tucuruí, no Pará, com Parintins; a das usinas de Jirau e Santo Antônio, em Ron