Porto Velho (RO) quinta-feira, 2 de dezembro de 2021
×
Gente de Opinião

Educação

III Gincana Ecológica da Escola Rio Branco


III Gincana Ecológica da Escola Rio Branco - Gente de Opinião

A III Gincana Ecológica realizada na Escola Estadual Rio Branco, está sendo um sucesso.  A afirmação é das coordenadoras do evento, as professoras de Educação Física, Vânia Maria da Silva e Maria Lúcia Cardoso Brum. Os alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e do e 1º ao 3º ano do Ensino Médio foram divididos em oito equipes, da Água, do Ar, dos Animais, das Flores, do Fogo, da Lua, do Sol e da Terra, com provas antecipadas e outras realizadas na sexta feira,08, quando aconteceu a abertura oficial. De acordo com a programação, algumas provas ainda serão realizadas até o dia 23 de novembro, quando serão encerradas as atividades com a coleta de sangue.

Como disse esta semana, a ativista gaúcha do Greenpeace, Ana Paula Maciel, presa há mais de um mês na Rússia, após um protesto pacífico contra a exploração de petróleo no Ártico, “nosso planeta, o que chamamos de casa, o único que conhecemos com vida, está em crise e precisamos fazer algo individualmente, todos os dias, porque todos nós somos responsáveis pela mudança”, explicou uma das coordenadoras da Gincana, Vânia Silva.

Segundo o diretor da escola, Geraldo Augusto Meirelle, um dos objetivos desta atividade é de  conscientizar os alunos e toda comunidade escolar sobre o direito à saúde, favorecer o espírito de competição sadia, estimular nos aluno aos aspectos históricos, culturais e artísticos do contexto escolar, valorizando os aspectos educacionais, ambientais e sociais nos educando e    servidores  da escola. “ A educação está altamente atrelada às atitudes sociais, sendo a escola a base para a formação de indivíduos conscientes e responsáveis.  Portanto  um aprendizado focado na educação sustentável pode gerar cidadãos preocupados com os problemas ambientais e com suas devidas soluções, mas para isso  é  preciso expandir   a importância da sustentabilidade na escola e a nossa Gincana Escolar, trouxe esta proposta” afirmou o diretor.

As inscrições foram feitas ainda no mês de outubro. Durante este período, ocorreram provas ambientais, como a coleta de 20mil garrafas petis que serão doadas para uma fábrica de vassouras, recolhimento de óleo de cozinha usado que será aproveitado em uma oficina para a confecção de sabão caseiro, de saúde, como os exames de colesterol, filantrópico, como a arrecadação de cestas básicas que serão doadas para uma instituição carente,culturais, como poesias, dança e paródias de artes, como a pintura no muro da escolaentre outras

A Escola Rio Branco está fazendo a sua parte, oportunizando aos seus alunos esta Gincana Ecológica, na qual todos puderam de uma maneira ou de outra também fazer um pouquinho pela preservação do meio ambiente.   “Mobilizar todos os alunos da escola é um desafio importante para envolver  toda a comunidade educativa em torno da preservação do meio ambiente. O resultado de tudo é a consciência que nós conseguimos despertar nestes alunos que se tornam multiplicadores  na sociedade” disse o diretor Geraldo Augusto Meirelles.

Fonte: Nara Vargas
Fotos: arquivo escola

Mais Sobre Educação

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

SENAI Rondônia prorroga inscrições para cursos gratuitos

Aqueles que almejam oportunidade de fazer um curso gratuito para se qualificar profissionalmente, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de R

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

30 novos parquinhos em escolas de Vilhena: compra acontece com emenda de Luizinho Goebel

Uma completa renovação dos parquinhos das escolas municipais foi providenciada neste ano para acontecer em breve. A Secretaria Municipal de Educação

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Alunos da rede municipal em Porto Velho são atendidos pelo Programa Saúde

Buscando garantir o desempenho dos estudantes dentro da sala de aula, a Prefeitura de Porto Velho desenvolve um programa para a reparação da visão a a

Campus Porto Velho Calama abre seleção para Pós-Graduação Lato-Sensu em ensino de Ciências e Matemática

Campus Porto Velho Calama abre seleção para Pós-Graduação Lato-Sensu em ensino de Ciências e Matemática

Por meio do Departamento de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação (Depesp), o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia-IFRO, Cam