Porto Velho (RO) terça-feira, 22 de outubro de 2019
×
Gente de Opinião

Economia

Profaz, Estado e órgãos federais focam na regularização de unidades de conservação


Profaz, Estado e órgãos federais focam na regularização de unidades de conservação - Gente de Opinião

A regularização fundiária de unidades de conservação (UCs) em Rondônia foi tema de reunião no último dia 30, na sede da Superintendência de Patrimônio da União (SPU), em Porto Velho, envolvendo representantes de órgãos federais e estaduais, entre os quais, o Tribunal de Contas do Estado (TCE-RO), por meio do Programa de Modernização e Governança das Fazendas Municipais de Rondônia e do Desenvolvimento Econômico-Sustentável dos Municípios (Profaz).

 

Pelo Profaz, estiveram presentes o seu coordenador executivo, auditor de Controle Externo Marc Uiliam Ereira Reis, e o membro da equipe, Rodrigo Ferreira; enquanto pela SPU, participaram o superintendente Elias Cavalcante, os engenheiros Antônio Ferreira e Pedro de Medeiros e os servidores Rosinaldo Queiróz e Carla Carvalho.

 

Também participaram, pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), o superintendente substituto Erasmo Tenório e os técnicos Leonésio Almeida e Ederson Bruscke; e pela Superintendência Estadual de Patrimônio e Regularização Fundiária (Sepat), o diretor de Patrimônio e Regularização Fundiária, Jorge Mello, e os assessores Márcio Alves e Daniele Canales.

 

INTERLOCUÇÃO

 

Durante a reunião, os representantes do Profaz destacaram que a participação do programa no debate se dá na condição de agente de interlocução para solucionar a questão fundiária relativa às UCs, envolvendo o Estado de Rondônia e o Governo Federal, haja vista ser a regularização fundiária fundamental ao desenvolvimento sustentável dos municípios rondonienses, eixo norteador do Profaz.

 

Outro ponto mencionado foi que, apesar de alguns processos relativos às unidades de conservação estarem formalizados há mais de 20 anos, o Governo de Rondônia ainda não pode fazer a gestão dessas áreas – que totalizam 19 unidades – porque não estão regularizadas junto à União. A lista com todos os processos, respectiva numeração e andamento também foi disponibilizada aos participantes da reunião.

 

Citou-se, ainda, o evento da promulgação da Lei n. 13.465, de 11 de julho de 2017, que, entre outras providências, trata da regularização fundiária no âmbito da Amazônia Legal, instituindo mecanismos para aprimorar a eficiência dos procedimentos de alienação de imóveis da União.

 

Tendo em vista a nova legislação e a conjunção de forças buscando materializar um plano estruturado para solucionar o impasse referente à transferência definitiva, pela União ao Governo do Estado, do direito às áreas correspondentes às unidades de conservação, nesse primeiro momento, serão adotadas duas ações principais: a assinatura de um termo de cooperação técnica entre os órgãos envolvidos na questão e a criação de um grupo de trabalho com representantes de todas essas instituições para a elaboração de um projeto com definição das ações, prioridades, responsabilidades, recursos, parcerias, cronograma, entre outros requisitos.

Mais Sobre Economia

Rondônia - Em comemoração ao Dia do Servidor Público, Governo antecipa pagamento para sábado (26)

Rondônia - Em comemoração ao Dia do Servidor Público, Governo antecipa pagamento para sábado (26)

Como parte das comemorações pelo dia do Servidor Público, o Governo de Rondônia vai antecipar o pagamento dos salários dos servidores estaduais pa

 Sebrae ajuda empresários na intermediação com os bancos

Sebrae ajuda empresários na intermediação com os bancos

No dia 30 de outubro, das 9 às 17h, o Sebrae e a Sala do Empreendedor realizarão a Rodada de Crédito no auditório da praça do Centro de Artes e Esport

Pequenos negócios que operam o turismo local serão beneficiados

Pequenos negócios que operam o turismo local serão beneficiados

Nesta segunda-feira, 21 de outubro, no Teatro Guaporé, o Ministério do Turismo, a Embratur, o Governo do Estado , Fecomércio e o Sebrae em Rondô

Faturamento de artesãos cresce em 29% no 13º Salão do Artesanato Raízes Brasileiras

Faturamento de artesãos cresce em 29% no 13º Salão do Artesanato Raízes Brasileiras

A Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia (Sepec-ME) divulgou o balanço do faturamento de vendas dos