Porto Velho (RO) terça-feira, 10 de dezembro de 2019
×
Gente de Opinião

Cultura

Um Show de Chorinho, com grandes músicos mineiros, no Buraco doCcandiru

Na Calçada das Estrelas do Rio Madeira, os músicos amigos do nosso maior chorão, Lito Casara, provenientes do Bar do Salomão apresentarão um show de chorinho, neste sábado (7 de setembro).


Um Show de Chorinho, com grandes músicos mineiros, no Buraco doCcandiru  - Gente de Opinião
Um Show de Chorinho, com grandes músicos mineiros, no Buraco doCcandiru  - Gente de Opinião

A Confraria dos Amigos do Buraco do Candiru irá receber, neste sábado, dia 7 de setembro, a partir das 16:00 h, no Buraco do Candiru (Rua Guiana, 2863, no bairro da Embratel, um grupo de seis grandes músicos mineiros, apaixonados por choro, que, antes já estiveram em Rondônia (e beberam Água Kaiary), de forma que estão de volta à Porto Velho para fazer um grande show. Como em 2017, quando fizeram uma espetacular performance, terão o apoio do nosso grande às do bandolim, Lito Casara, companheiro deles nas noites mais chorosas do Bar do Salomão, em Belo Horizonte, onde são reconhecidos e aclamados.

 

Os músicos que, visitaram esta semana Guajará-Mirim, onde fizeram um  show no Pakaas Palafitas Lodge, são Artur Pádua - violão, Ronaldo Pereira - pandeiro, Agostinho Paolucci - violão 7 cordas, Pedro Alvarez - flauta transversal, Nixon Fonseca - cavaquinho, Cícero Gonzaga – acordeom. Também vieram com eles o coordenador artístico, Armando de Souza Pinto e o assistente de palco, Adilson Barbosa de Paula.  Será, portanto, uma ocasião única. Um encontro de músicos de primeira qualidade que vai contar ainda com o apoio do grande violonista de 7 cordas de Rondônia, Nicodemos Alves. Para dar uma palhinha da qualidade dos músicos basta dizer que Artur Pádua tem um álbum gravado pela Acari Records, um sucesso de crítica, denominado de “Campo Aberto” mereceu de Paulo Cesar Pinheiro o comentário “Dos últimos discos, dos últimos anos, o de Artur Pádua é o único que escuto de ponta a ponta, sem pular nenhuma faixa. Só faço isso quando gosto muito”. Cícero Gonzaga, que acompanhou Nelson Gonçalves, é uma referência no seu instrumento. Já Ronaldo Pereira, um fantástico pandeirista, é conhecido pelo estilo alegre e descontraído. Também no violão 7 cordas, o professor e compositor Agostinho Paolucci,  já se apresentou na companhia de nomes como Nelson Sargento, Nei Lopes, Délcio Carvalho, Mauro Diniz, Monarco, Cristina Buarque e Mariana de Moraes. E um craque da flauta transversal, Pedro Álvares, o "Cabralzinho", destaque do Bar do Salomão, participou de apresentações em Lisboa e integrou grupos conhecidos de choro, como Canela de Ema e Horas Vagas e Isto é Nosso. O cavaquinista e compositor, Nixon Fonseca, é reconhecido como multi-instrumentista e solista. Gravou com grupos de choro e samba de Belo Horizonte, como a Confraria do Choro do Bar do Caixote e a  Roda de Choro no Bar do Salomão.  O anfitrião do Buraco do Candiru, Marcus Vinicius Danin diz que “Tudo está preparado para esta ocasião especial. É um show de amigos mineiros do Lito Casara, de amigos que tocam juntos, de modo que é gratuito. Infelizmente, só temos pouco mais de vinte mesas, de forma que não podemos reservar. Quem chegar será bem vindo, pois, é aberto ao público”. Será um show imperdível, sem dúvida. 

Um Show de Chorinho, com grandes músicos mineiros, no Buraco doCcandiru  - Gente de Opinião

Mais Sobre Cultura

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

O Dia Nacional do Samba, foi comemorado em todo país na segunda-feira (02) e para celebrar a data com muita alegria e gingado, o que o ritmo proporcio

Alunos do 4° ano da escola Ensina-me a Viver visitam exposição interativa na Fundação Cultural de Vilhena

Alunos do 4° ano da escola Ensina-me a Viver visitam exposição interativa na Fundação Cultural de Vilhena

Os alunos da escola Ensina-me a Viver tiveram uma manhã bem diferente na última quinta-feira, na Fundação Cultural de Vilhena (FCV). Curiosos, os pequ

Sandra Castiel lança novo livro

Sandra Castiel lança novo livro

A professora Sandra Castiel, que é membro da Academia de Letras de Rondônia (Acler), lança mais uma obra literária de sua lavra: Amor e Dor – contos

Em trabalho inédito, Fundação Cultural inicia visita em todas as aldeias indígenas de Vilhena para registro fotográfico da Arte e Cultura de povos locais

Em trabalho inédito, Fundação Cultural inicia visita em todas as aldeias indígenas de Vilhena para registro fotográfico da Arte e Cultura de povos locais

Pela primeira vez a Prefeitura de Vilhena irá percorrer todas as aldeias indígenas de Vilhena com o intuito de registrar a produção de Arte e Cultura