Porto Velho (RO) segunda-feira, 30 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Cultura

Tecnologia em Web da Fatesm enfoca excelência na formação acadêmica


O curso de Desenvolvimento de Sistemas para Web da Fatesm (Faculdade de Tecnologia São Mateus) tem, a partir deste ano de 2007, um novo coordenador. Trata-se do administrador e professor universitário Jorge Peixoto (FOTO). A coordenação também é composta pela especialista em administração e professora Ana Paula Guimarães e funciona desde 2005, quando a São Mateus iniciou suas atividades. A turma mais avançada cursa atualmente o 3° período, e o curso já está em fase de reconhecimento pelo Ministério da Educação. "Estamos cuidando de todos os trâmites burocráticos e ações que atendam ao reconhecimento", disse Jorge Peixoto.

Mas a visão do novo coordenador do curso destina-se também a trabalhar a aplicação de modelos pedagógicos que contemplem a interdisciplinaridade. Os acadêmicos de Desenvolvimento de Sistemas para Web receberão uma certificação intermediária ao concluir o 3° período e a diplomação como tecnólogo na conclusão do 5º semestre. "O curso oferece ao discente todo o ferramental teórico que dá substância à prática, levando em conta que há forte ênfase na formação executiva, quando o desenvolvimento dos conhecimentos é destinado para a atividade fim. Por isso, aplicamos grande quantidade de aulas laboratoriais. A nossa idéia é formar um profissional seguindo uma visão empreendedora, de ser o seu próprio gestor funcional, e proporcionar a eles o maior número possível de extensão universitária", explica o coordenador. 

No entendimento de Jorge Peixoto, a função da coordenação é instrumentalizar o curso para que este atinja os seus objetivos, garantindo que acadêmicos e professores possuam os instrumentos necessários para o ensino-aprendizagem, com a realização de todas as atividades necessárias. "Defendo a criação de um ambiente acadêmico com liberdade de pensar e que estimule a análise crítica", disse o coordenador, acrescentando ser muito importante ouvir e ajudar a conciliar as idéias, permitir que fluam da forma mais produtiva possível. Para isso, conforme Peixoto, é imprescindível valorizar professores e alunos, dando a eles os instrumentos em quantidade e qualidade para que se sintam satisfeitos com o curso e confiantes para atender as pessoas.

De acordo com Jorge Peixoto, o objetivo é estimular a produção do conhecimento e proporcionar que o acadêmico crie abordagens diferentes, novos softwares. "Pensando nisso, preparamos para este semestre a realização da Feira de Tecnologia, quando os alunos irão apresentar seus trabalhos e criação de designes", informou. Jorge Peixoto também destacou como primordial o estudo de disciplinas que conscientizam para a função do profissional na sociedade e que trabalhem o tema da 'humanização da tecnologia'. "Sem pessoas, um excelente computador não serve para nada porque ele não faz nada em si mesmo. Você está utilizando uma ferramenta limitada em relação ao homem e que deve estar informado quanto a excelente competência técnica aliada a competência e sensibilidade humana", ponderou.

Na opinião de Jorge Peixoto, o profissional da área de desenvolvimento de sistemas para web deve ter em mente que trabalha para as pessoas, devendo possuir um nível de sensibilidade aliada à competência técnica, de maneira que possa fazer uso humanizado dos recursos tecnológicos. "Até por isso, temos Disciplinas no currículo que privilegiam os aspectos de otimização do uso das propriedades gráficas computacionais com as pessoas, como é o caso da Disciplina Interface com o Usuário ou, ainda, Computação Gráfica e Multimídia", completou o novo coordenador do curso da Fatesm.

Fonte: chagas Pereira

Mais Sobre Cultura

Domingo tem Feira Cultural Novembro Negro no Mercado Cultural.

Domingo tem Feira Cultural Novembro Negro no Mercado Cultural.

A associação é um coletivo representado por várias mulheres, que surgiu baseado em um estudo que umas das fundadoras, Anny Cleyanne, assistiu atravé

Artistas habilitados ao recebimento do auxílio emergencial da cultura devem apresentar documentação até domingo, 29

Artistas habilitados ao recebimento do auxílio emergencial da cultura devem apresentar documentação até domingo, 29

Visando cumprir o compromisso com a classe artística rondoniense, o Governo de Rondônia, por meio da Superintendência Estadual da Juventude, Cultura,

Artistas de Vilhena podem se inscrever em edital que entregará R$ 225 mil a 22 projetos na cidade

Artistas de Vilhena podem se inscrever em edital que entregará R$ 225 mil a 22 projetos na cidade

A Fundação Cultural de Vilhena lançou edital do Prêmio Anita Pietchaki que vai entregar R$ 197 mil para as 22 melhores propostas artísticas apresentad

Relação dos habilitados a receber o auxílio emergencial destinado ao setor cultural de Rondônia é divulgada

Relação dos habilitados a receber o auxílio emergencial destinado ao setor cultural de Rondônia é divulgada

O Governo de Rondônia, por meio da Superintendência Estadual da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer de Rondônia (Sejucel) publicou a Portaria nº 226,