Porto Velho (RO) sábado, 18 de janeiro de 2020
×
Gente de Opinião

Cultura

Sol Brilhante é só alegria


 


BRASÍLIA – Sol Brilhante, um dos mais fortes nomes de CDs produzidos este ano em Brasília, será lançado no próximo dia 19 na Sala Loyola do Centro Cultural de Brasília. Tem tonalidades nortistas, reúne um afinado grupo de amigos com profissões e idades diversas, todos convictos de que a música, como disse Ravi Shankar, é o melhor caminho para chegar a Deus. 

A produção musical é de Chico Nogueira, do famoso, viajado e festejado grupo Mambembrincantes, que consegue aliar muito bem a solidariedade à missão de divulgar a música-raiz sobre um caminhão-palco. Isso é mais do que um resgate, Brasil afora, em países sul-americanos e na Europa (Berlim, Amsterdam e Avignon).  
A Petrobras apoiou a gravação, a primeira obra coletiva do Projeto Cultivando a Boa Música. A produção executiva do CD é de Ângela Moreira e Aldinéia de Oliveira Silva. Animadas, nesta sexta-feira elas disseram à Agência Amazônia que esperam boa venda no show da próxima quarta-feira. E antecipam que
logo o disco será novamente prensado.

Cirandas, congadas, sambas, maracatus, baiões, esperanças e sonhos. Nesse embalo, o grupo espera levar sua mensagem, da Amazônia ao Chuí, resguardadas as possibilidades de cada um. O trabalho de lançamento obedece a um método cooperativo, do qual todos participam. 

A organização do evento convidou para apresentar o show Laurete Mascarin. A renomada apresentadora de festivais aceitou na hora. Por aí se vê que a festa é chique. São convidados especiais os Mambembrincantes , Marcos Mesquita, Sivuquinha, Paulinho Matricó, Edson Lodi e Fernando Campos. 

Há alguns anos, o violeiro Marcos Mesquita (
viola caipira e voz) vem mostrando a riqueza de ritmos brasileiros – cururu, toada, batidão, pagode, rasta-pé, chamamé, guarânia e rasqueado – dentro de um repertório eclético que transcende o mundo da música caipira, explora a potencialidade e os recursos da viola.
Vida plena
 
"Trabalhamos composições, arranjos, execução e canto. Acreditamos que a boa música tem um potencial aglutinador, rompe fronteiras e derruba barreiras entre as pessoas", diz Ângela Moreira. "É cultivar boa vida, vida plena, farta, permitindo que a fortuna que vem de Deus entre em nossas vidas por nossos ouvidos e toque em nossos corações", acrescenta. Imagine essa turma reunida com o grupo eclético do CD Sol Brilhante e os Mambembricantes. Está escrito nas estrelas: será um dos grandes presentes do Natal de 2007. 

Sol Brilhante é só alegria - Gente de Opinião
Parte do grupo, no calor da gravação /DIVULGAÇÃO
Sol Brilhante
: Chico Nogueira
Água de lavar : Edson Lodi e Fernando Campos
Baião da Alegria: Everaldo Azevedo
Virar mar : Chico Nogueira
Folia: Chico Nogueira
Ser Moleque: Saulo Alves
Ciúme: José Luiz de Oliveira
Estrela do Oriente: Chico Nogueira
Fonte do Céu : Tarcísio Rodopiano

Formação musical

Essa escola musical costuma se reunir na Brazlândia. O grupo reúne pessoas com formação profissional em diversos instrumentos, na composição, no canto, e também iniciantes. A adolescente Ana Celeste Lodi, por exemplo, já toca matraca e zabumba. Marcos Ramalho ensina percussão para crianças e, quando tem tempo, toca 25 instrumentos. O quiropraxista José Luiz de Oliveira, atualmente morador em Sobradinho, é compositor e intérprete desde jovem em Rondônia. Já foi motorista entregador de tijolos, diretor de construtora, contabilista e, se quisesse, levaria a vida de sanfoneiro. 

Sol Brilhante é só alegria - Gente de Opinião
Marcos Mesquita /DIVULGAÇÃO

Cantam no Sol Brilhante: Anahi Nogueira, Ângela Moreira, Antonia Lodi, Ana Cristiane de Souza, Chico Nogueira, Dina Mara, Erica Cortez, Everaldo Azevedo, Fabiana Pereira Alves, Iura Castro Menão, Jeane Souza Nunes, José Araújo, José Luís de Oliveira, Luzia Fernandes Barros, Marcos Ramalho, Maria Ivete Queiroz, Saulo Alves, Tarcísio Junior e Tereza Moreira. 

Conhece algum deles? Então, compareça ao show, veja e ouça. Com certeza, você chegará à conclusão de que acertou em cheio na compra de um bom CD. E vai ficar freguês, é claro.
 

Capa do CD

Bordadeiras:Erica, Clara Luzdayana, Aldinéia, Ivete, Tereza Moreira
Designer: Luiz Daré
Sol Brilhante é só alegria - Gente de Opinião
Ana Celeste toca matraca e zabumba /DIVULGAÇÃO
Instrumental

Matraca e zabumba: Ana Celeste Lodi
Ganzá e triângulo:
Antônia Lodi
Viola: Chico Nogueira
Triângulo: Dina Mara
Agogô, pandeiro, pandeiro meia-lua e zabumba: Everaldo Azevedo:
Triângulo: José Maria Alves
Charanga, cavaquinho, violão: Leo Oliveira Terra
Abê, alfaia, agogô, apitos, bloco sonoro, bongô, bumbo lanero, caixa, caxixi, congas, carrilhão, derbak, djambe, frigideira, ganguê, guizo, reco-reco, pandeiro, percussão incidental, prato, surdo, tamborim, tantan, tarol e vaso sonoro: Marcos Ramalho
Contrabaixo: Paulinho
Sanfona: Sivuquinha
Violões:
Fernando Campos, Saulo Alves e Tarcísio Júnior

► 
Centro Cultural de Brasília: Avenida L2 Norte, Quadra 601-B. 
O CD custa R$ 20. Ingressos para o show: R$ 10 inteira e R$ 5 meia. 
Contatos pelo telefone: 61 9121 5088 ou 8129 4214

Fonte: Montezuma Cruz - Agênciaamazônia é parceira do Gentedeopinião

Mais Sobre Cultura

Orquestra Villa-Lobos de Porto Velho abre seleção para novos músicos voluntários e com bolsas de incentivo

Orquestra Villa-Lobos de Porto Velho abre seleção para novos músicos voluntários e com bolsas de incentivo

Aprovado pelo Ministério da Cidadania por meio da Lei Federal de Incentivo `Cultura e com o apoio do SICOOB, O Instituto Cultural Villa-Lobos de Port

Cultura popular em praça pública de Porto Velho

Cultura popular em praça pública de Porto Velho

Apaixonada pelas rimas, com dedicação à poesia e à prosa desde os 7 anos, a poetisa Maria de Nazaré Melo, 52 anos, não poupou elogios ao falar do proj

Porto Velho: apresentações culturais na Praça Getúlio Vargas são opções de lazer nesse fim de semana

Porto Velho: apresentações culturais na Praça Getúlio Vargas são opções de lazer nesse fim de semana

Com uma belíssima iluminação decorativa e apresentações culturais, a Praça Getúlio Vargas tornou-se um dos lugares mais visitados nesse fim de ano em

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

O Dia Nacional do Samba, foi comemorado em todo país na segunda-feira (02) e para celebrar a data com muita alegria e gingado, o que o ritmo proporcio