Porto Velho (RO) sábado, 25 de janeiro de 2020
×
Gente de Opinião

Cultura

São Lucas se prepara para oferecer cursos superiores à distância



A Faculdade São Lucas, com seu pioneirismo no ensino crítico, reflexivo e de qualidade, está implantando algumas disciplinas dos cursos presenciais na modalidade semipresencial, de acordo com a Portaria 4059, de 10 dezembro de 2004. E a Faculdade São Mateus está se preparando para oferecer cursos superiores à distância. “Isso sinaliza a visão responsável e coerente da direção institucional com o atual momento histórico”, destaca o Professor Doutor José Lucas Pedreira Bueno, Coordenador do Laboratório de Ensino à Distância da São Lucas que é integrado por uma equipe multidisciplinar. Segundo dados do MEC, hoje o Brasil conta com 111 IES (52 particulares, 11 religiosas e 48 públicas) que oferecem 5.619 pólos de EAD credenciados. Só em Porto Velho são 21 pólos de instituições de todo o Brasil. “Recebemos cursos de todo o país e não enviamos nenhum. Chegou o momento de deixarmos de ser recebedores. Estamos com a equipe capacitada, a metodologia definida, a tecnologia instalada, alguns materiais didáticos sendo finalizados e a experiência que nos diz que estamos no caminho certo”, acrescenta o Coordenador. 

José Lucas Bueno observa que há 14 anos a modalidade de EAD é aplicada no ensino superior brasileiro e, embora seja uma modalidade adolescente no Brasil, ainda é uma criança em Rondônia. Segundo ele, hoje Rondônia conta com as possibilidades tecnológicas e o acesso à informação disponível atualmente, enquanto o preconceito e a falta de conhecimento para atuação na modalidade são problemas que podem ser facilmente superados. “Neste ano, ultrapasso 10 anos de atuação na área e deixo minha expectativa de que o crescimento que vimos nestes últimos anos não alcançou um quarto do que podemos esperar dos próximos. O Brasil, especialmente Rondônia, vão se desenvolver por meio da democratização da educação via educação a distância”, prevê. 

Segundo dados da Associação Brasileira de Educação a Distância, em 2008, o ensino à distância propiciou que mais de 2,6 milhões de brasileiros tivessem acesso a cursos de todos os níveis. Só na graduação, passou de 5 mil alunos em 2002 para 760 mil em 2008. Em Rondônia somente uma IES é autorizada experimentalmente para atuar na EAD. “Embora esteja fazendo isso com muita mestria, é muito pouco para um Estado que precisa se desenvolver num momento em que a educação é reconhecida internacionalmente como um dos principais catalisadores do desenvolvimento econômico-social e da mobilidade social do indivíduo”, acentua Lucas Bueno. 

De acordo com o Professor Doutor, a flexibilidade e a autonomia de decisão não são os únicos pontos fortes da educação à distância para a formação dos alunos. “O desenvolvimento da capacidade de autonomia cognitiva, auto-aprendizagem, habilidade de leitura, interpretação e escrita, domínio de informática e disciplina também são pontos que sustentam os melhores profissionais, empreendedores ou colaboradores, atuantes no mercado de trabalho. Uma formação desenhada sobre uma plataforma tecnológica irá proporcionar egressos críticos e atuantes nas profissões, com habilidades e competências de linguagem, sistema e operação tecnológica”, acrescenta. Lucas Bueno destaca que o ensino à distância já é reconhecido como uma das soluções para problemas graves do Brasil, e a Faculdade São Lucas participa desse movimento de inovação tecnológica na educação, que valoriza o professor e sua atuação, proporcionando formação ainda melhor para os alunos e ratificando a competitividade da instituição na preferência dos alunos no ensino presencial e à distância.

Fonte: Chagas Pereira 

Mais Sobre Cultura

Orquestra Villa-Lobos de Porto Velho abre seleção para novos músicos voluntários e com bolsas de incentivo

Orquestra Villa-Lobos de Porto Velho abre seleção para novos músicos voluntários e com bolsas de incentivo

Aprovado pelo Ministério da Cidadania por meio da Lei Federal de Incentivo `Cultura e com o apoio do SICOOB, O Instituto Cultural Villa-Lobos de Port

Cultura popular em praça pública de Porto Velho

Cultura popular em praça pública de Porto Velho

Apaixonada pelas rimas, com dedicação à poesia e à prosa desde os 7 anos, a poetisa Maria de Nazaré Melo, 52 anos, não poupou elogios ao falar do proj

Porto Velho: apresentações culturais na Praça Getúlio Vargas são opções de lazer nesse fim de semana

Porto Velho: apresentações culturais na Praça Getúlio Vargas são opções de lazer nesse fim de semana

Com uma belíssima iluminação decorativa e apresentações culturais, a Praça Getúlio Vargas tornou-se um dos lugares mais visitados nesse fim de ano em

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

O Dia Nacional do Samba, foi comemorado em todo país na segunda-feira (02) e para celebrar a data com muita alegria e gingado, o que o ritmo proporcio