Porto Velho (RO) sábado, 25 de janeiro de 2020
×
Gente de Opinião

Cultura

São Lucas participa Seminário Nacional Educação Jurídica



A Faculdade São Lucas, de Porto Velho (RO), esteve presente ao II Seminário Nacional de Educação Jurídica, realizado nos dias 31 de março e 1º deste mês na cidade do Rio de Janeiro, numa promoção da Comissão Nacional de Educação Jurídica do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, com a proposta de evidenciar a importância da parceria da OAB/MEC (Ministério da Educação) na busca da educação jurídica de excelência. A FSL esteve representada pela Vice-Diretora Eloá de Aguiar Gazola, do coordenador do curso de Direito, professor Raimundo de Oliveira Filho, e da gerente do Departamento de Comunicação e Marketing, Andréia Kuhnen.

O Seminário debateu o tema "Necessidades Sociais e Expectativas da Educação Jurídica de Qualidade", destacando o efetivo e contínuo comprometimento com a elaboração, desenvolvimento e consolidação do projeto político-pedagógico da Instituição de Ensino Superior, além da necessidade da revisão do instrumento de avaliação para pontuar a titulação do Coordenador do Curso de forma a contemplar os mestres com conceito positivo, com ações consistentes adotadas pelo MEC no tocante à redução da autorização de novos cursos, permitindo a abertura apenas daqueles em que haja comprovados diferenciais de excelência, assim como a redução de vagas de cursos de baixa qualidade, além do que sejam realizadas gestões para que os pareceres da Comissão Nacional de Educação Jurídica do Conselho Federal da OAB, pela importância que representam nos processos de autorização, reconhecimento, renovação de reconhecimento e aumento de vagas, bem como a contribuição que oferecem ao MEC, tenham maior valorização, especialmente quando analisados pelo Conselho Nacional de Educação (CNE).

Nos debates ainda houve destaque para a distinção conceitual entre ensino e pesquisa, entendendo-se o ensino não apenas de forma meramente informativa, sem criar conhecimento, e a pesquisa devendo partir do estudo de problemas e da formação de teses, sem ser enclausurada na pós-graduação, destacando que os cursos jurídicos devem envidar esforços para o acompanhamento de seus egressos, promovendo a educação continuada para o aperfeiçoamento profissional e para a vocação acadêmica. A implantação dos fóruns de educação jurídica, espécies de seminários regionais, também foi enfatizada com o objetivo de discutir a educação jurídica da atualidade e de práticas pedagógicas inovadoras, já se indicando as cidades de Porto Velho (RO) e Teresina (PI) para as primeiras experiências.

Fonte:  Chagas Pereira

Mais Sobre Cultura

Orquestra Villa-Lobos de Porto Velho abre seleção para novos músicos voluntários e com bolsas de incentivo

Orquestra Villa-Lobos de Porto Velho abre seleção para novos músicos voluntários e com bolsas de incentivo

Aprovado pelo Ministério da Cidadania por meio da Lei Federal de Incentivo `Cultura e com o apoio do SICOOB, O Instituto Cultural Villa-Lobos de Port

Cultura popular em praça pública de Porto Velho

Cultura popular em praça pública de Porto Velho

Apaixonada pelas rimas, com dedicação à poesia e à prosa desde os 7 anos, a poetisa Maria de Nazaré Melo, 52 anos, não poupou elogios ao falar do proj

Porto Velho: apresentações culturais na Praça Getúlio Vargas são opções de lazer nesse fim de semana

Porto Velho: apresentações culturais na Praça Getúlio Vargas são opções de lazer nesse fim de semana

Com uma belíssima iluminação decorativa e apresentações culturais, a Praça Getúlio Vargas tornou-se um dos lugares mais visitados nesse fim de ano em

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

O Dia Nacional do Samba, foi comemorado em todo país na segunda-feira (02) e para celebrar a data com muita alegria e gingado, o que o ritmo proporcio