Porto Velho (RO) quarta-feira, 29 de junho de 2022
×
Gente de Opinião

Cultura

SÃO LUCAS inscreve para curso de Especialização em Projetos Turísticos


A Faculdade São Lucas está com inscrições abertas para o curso de Especialização em Projetos de Empreendimentos Turísticos, que começa em agosto. A iniciativa leva em conta que o desenvolvimento da atividade turística é baseado na formatação inovadora de produtos turísticos e pela excelência dos serviços, visando atender características e exigências qualitativas dos segmentos de demanda dos mercados emissores. Além disso, é avaliado o fato de que a base de sustentação da política de desenvolvimento está centrada no desenvolvimento turístico, excelência dos produtos e serviços e o fortalecimento da infra-estrutura básica e turística, vertentes estratégicas para o segmento.

A Faculdade São Lucas faz a diferença ao lançar o curso de Especialização em Projetos de Empreendimentos Turísticos, que tem como objetivo qualificar o pós-graduando para elaborar projetos turísticos ligados a diversos segmentos que compõem o mercado, propiciando uma visão holística que viabilize um perfeito encaminhamento nos diversos segmentos.

Com a realização do curso, a Faculdade São Lucas ainda leva em conta que os produtos turísticos são constituídos por um amplo e diversificado conjunto de atividades econômicas entre si, visando atender às necessidades de transporte, hospedagem, alimentação, entretenimento e lazer dos viajantes. Importante observar que o turismo abrange mais de 52 segmentos da economia com reflexos consideráveis, diretos e indiretos, sobre a geração de empregos. Em razão disso, é acentuada a dinamicidade do setor. Análises macroeconométricas da Organização Mundial do Turismo (OMT) apontam que o turismo ocupa o primeiro lugar na geração de emprego e renda no produto interno bruto mundial, responsável pela captura de 11,4% dos investimentos globais de todas as atividades produtivas.

Em Rondônia existe oferta de recursos naturais e artificiais ligados à atividade turística, mas o mercado ainda é carente de profissionais capacitados para a elaboração de projetos, tanto na esfera privada quanto na pública, fundamentais para fomentar o desenvolvimento da economia regional, de acordo com as premissas dos órgãos financiadores para o setor, através da descentralização dos recursos federais, dentre os quais os Ministérios do Turismo, da Ciência e Tecnologia, dos Transportes, do Meio Ambiente, da Cultura e Embratur, bem como a Fundação Roberto Marinho, Banco da Amazônia e Banco do Brasil, dentre outros. Maiores informações podem ser obtidas através do telefone 3211-8015.

Fonte: Chagas Pereira - Registro Profissional 165 DRT/RO

Mais Sobre Cultura

Projeto Sesc 52 leva programação literária em suas últimas semanas de circulação no interior de Rondônia

Projeto Sesc 52 leva programação literária em suas últimas semanas de circulação no interior de Rondônia

O Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE de Rondônia, por meio do Sesc/RO, reafirmando seu objetivo de integração, inclusão social e fomentador da cultu

Cia de Artes Ji-paranaense apresenta nos dias 27 e 28 de junho espetáculo inspirado na migração de mulheres no ciclo da borracha.

Cia de Artes Ji-paranaense apresenta nos dias 27 e 28 de junho espetáculo inspirado na migração de mulheres no ciclo da borracha.

Desde sua criação a Cia Clandestinos de Artes vem abordando temáticas de grande importância que vão desde assuntos da esfera intimista como também n

O menino do coração de ferro

O menino do coração de ferro

Dia 26 de Junho às 20h de Rondônia e às 21h de Brasília no canal do YouTube do Conexão Norte o Autor Fabiano Barros lança o audiobook O MENINO DO CORA

Invisibilidade, transfobia e violência são temas abordados no vídeo-teatro performativo “Corpo do Prazer” que estreia no sábado (25)

Invisibilidade, transfobia e violência são temas abordados no vídeo-teatro performativo “Corpo do Prazer” que estreia no sábado (25)

O clima é de expectativa para o acadêmico da Licenciatura em Teatro da Universidade Federal de Rondônia (UNIR), Ádamo Teixeira. Isso porque neste sá