Porto Velho (RO) quinta-feira, 18 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Cultura

Roberto pede ajuda ao MEC para manter novos alunos na rede de ensino de P.Velho


 
Com apoio da senadora Fátima Cleide (PT-RO), o prefeito de Porto Velho, Roberto Sobrinho, reivindica recursos ao Ministério da Educação (MEC) para manter na rede pública de ensino do município 4.590 novos alunos, matriculados este ano e que provem do fluxo migratório causado pela construção das hidrelétricas do rio Madeira.

“Esta é uma situação excepcional, e o município não tem como arcar com os custos de manutenção desses novos alunos. A matrícula para efeito de se obter recursos do Fundeb só conta com defasagem de um ano, e estes alunos entraram este ano. Quer dizer, somente no ano que vem é que eles seriam incluídos no valor por aluno estabelecido pelo fundo”, disse o prefeito.

Esta situação foi relatada ontem ao ministro Fernando Haddad (Educação), em audiência agendada pela senadora Fátima. A parlamentar, o prefeito e a secretária de Educação de Porto Velho, Epifânia Barbosa, convenceram o ministro da excepcionalidade da situação, e Haddad disse que o MEC irá ajudar. “Nós vamos ter que bancar isso, sem dúvida”, disse o ministro.   

Segundo Epifânia, a maioria dos 4.590 alunos está matriculada no ensino infantil, e o custo de sua manutenção chega a R$ 8 milhões, cálculo em que se considera a faixa etária, modalidade e valor-aluno destinado pelo Fundeb.

Com a política de ampliar a oferta e manter limite de alunos em sala de aula o município, segundo a secretária, já locou 13 prédios, mas o fluxo migratório preocupa. “Do jeito que está, vamos sacrificar a qualidade do aprendizado, porque já estamos incluindo mais alunos em sala de aula do que gostaríamos”, disse ao ministro.    

A senadora Fátima Cleide lembrou ao ministro que no ano que vem será maior ainda o pico das obras, o que se estenderá até 2011, por isso é fundamental o apoio do ministério. 

Depois de encontro com o ministro, o prefeito e a secretária se reuniram com o secretário-executivo Henrique Paim e com o consultor jurídico Esmeraldo Malheiros Santos, para discutir as alternativas de ajuda do Ministério debatidas na audiência.

Fonte: Mara Paraguassu

 

Mais Sobre Cultura

Wankabuki apresenta peça “À Margem” em três cidades de Rondônia

Wankabuki apresenta peça “À Margem” em três cidades de Rondônia

O Grupo de Teatro Wankabuki, de Vilhena (RO), realizará entre os dias 17 e 26 de outubro uma série de apresentações da peça “À Margem” nos municípios

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Na tarde de quinta-feira (11), o Professor Aleks Palitot visitou a Escola Municipal de Educação Infantil Prof.ª Ronilza Cordeiro Afonso Dias, na Zona

SESC abre inscrições para exposição  e oficina de fotografia em Porto Velho

SESC abre inscrições para exposição e oficina de fotografia em Porto Velho

A exposição será realizada na rua Euclides da Cunha, com inscrições e impressões gratuitas no formato lambe-lambe