Porto Velho (RO) quinta-feira, 5 de dezembro de 2019
×
Gente de Opinião

Cultura

Projeto Arte de Fato leva cultura para escolas municipais


Visando incentivar a produção artística e cultural nas escolas da rede municipal de ensino de Porto Velho inicia na próxima segunda-feira, 14, o projeto "Arte de Fato". Promovido pela Divisão do Desenvolvimento da Cultura Escolar – DICE da Secretaria Municipal de Educação – Semed, em parceria com o Centro de Teatro de Bonecos – CTB de Porto Velho, o mesmo vai levar para o meio escolar o universo do teatro, da dança, da música e das artes visuais.

"A nossa intenção é que aconteça a arte dentro da escola, que o aluno tenha a oportunidade de experimentar", conta o chefe da DICE, Elcias Villar de Carvalho, destacando que o projeto segue os eixos norteadores dos Parâmetros Curriculares Nacionais – PCN's, de apreciar, contextualizar e produzir.

Partindo desse princípio, em um primeiro momento os alunos vão assistir a apresentações e exposições de arte, que serão levadas para as escolas. Depois serão promovidas discussões a respeito dos trabalhos assistidos, sendo que em um terceiro momento os alunos passarão a produzir os seus próprios trabalhos, que depois também serão apresentados nas demais escolas da rede. Não há limitações de idade e nível de ensino para participar do projeto.

Primeira atividade – Na segunda-feira o CTB inicia um ciclo de apresentações de 30 espetáculos teatrais em 15 escolas da rede municipal de ensino. Serão exibidas as peças "O macaco malandro" e "São Jorge e o Dragão", com texto da autora Maria Clara Machado, e "Lendas da Amazônia", do autor local Cláudio Vrena. As apresentações iniciam pela escola Antonio Augusto das Chagas, no bairro São Sebastião II.

No mesmo dia terão início as oficinas teatrais em 10 escolas, mobilizando cerca de 100 alunos em torno da montagem de 10 espetáculos adaptáveis para o teatro italiano (platéia disposta frontalmente) e de rua. As oficinas acontecem, ao mesmo tempo, nas escolas Antonio Ferreira da Silva, Darcy Ribeiro, Engenheiro Francisco Erse, Estela Compasso, João Ribeiro Soares, Maria Isaura da Costa, Olavo Pires, São Pedro, Ulisses Soares Ferreira e Wadih Darwich Zacarias.

Obs: A Escola Municipal Antonio Augusto Rabelo das Graças fica localizada na Av. Almirante Tamandaré com Jardel Filho, s/n bairro São Sebastião II. Fone: 3223-7482/ 3216-4667. As apresentações iniciam às 9h30 e às 15h30.

Escola Municipal Antonio Ferreira da Silva: Rua Duque de Caxias nº 2454, bairro São Cristóvão
.

Fonte: Giceli Soupinski

Mais Sobre Cultura

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

O Dia Nacional do Samba, foi comemorado em todo país na segunda-feira (02) e para celebrar a data com muita alegria e gingado, o que o ritmo proporcio

Alunos do 4° ano da escola Ensina-me a Viver visitam exposição interativa na Fundação Cultural de Vilhena

Alunos do 4° ano da escola Ensina-me a Viver visitam exposição interativa na Fundação Cultural de Vilhena

Os alunos da escola Ensina-me a Viver tiveram uma manhã bem diferente na última quinta-feira, na Fundação Cultural de Vilhena (FCV). Curiosos, os pequ

Sandra Castiel lança novo livro

Sandra Castiel lança novo livro

A professora Sandra Castiel, que é membro da Academia de Letras de Rondônia (Acler), lança mais uma obra literária de sua lavra: Amor e Dor – contos

Em trabalho inédito, Fundação Cultural inicia visita em todas as aldeias indígenas de Vilhena para registro fotográfico da Arte e Cultura de povos locais

Em trabalho inédito, Fundação Cultural inicia visita em todas as aldeias indígenas de Vilhena para registro fotográfico da Arte e Cultura de povos locais

Pela primeira vez a Prefeitura de Vilhena irá percorrer todas as aldeias indígenas de Vilhena com o intuito de registrar a produção de Arte e Cultura