Porto Velho (RO) terça-feira, 2 de junho de 2020
×
Gente de Opinião

Cultura

Mostra de Curta Alemão Contemporâneo destaca convivência entre gerações


No segundo dia da Mostra Curta Alemão Contemporâneo, promovido pelo Cineoca em parceria com o Instituto Cultural Amazônia Brasil com apoio do Instituto Goëthe de São Paulo, o destaque é a convivência entre as gerações. A Exibição dos filmes hoje  começa às 19 horas no auditório do SENAC. Lembrando que a entrada é gratuita.

Dia 04, sábado
 
Programa III: Novo e Velho, com enfoque na convivência entre gerações
Atualmente Morto (17'), de Thomas Wendrich, e A Maior Invenção de Gregor (11'), de Johannes Kiefer, acompanham, em cenas tragicômicas, e com muita dignidade, pessoas que sofrem das enfermidades da velhice, como demência e fragilidade física. Ambos contam com a atuação de atores excelentes.. A comunicação entre gerações é também o tema do eloqüente Conversas (18'), de Mickel Rentsch, e de Frágil (20'), de Sikander Goldau, que tematiza a difícil arte do último adeus. Na sátira Gravidez Avançada (9'), Piotr Lewandowski prova o triunfo da comunicação móvel, mesmo nas fases da vida pré-natal. Em O Escolar (7'), de Edina Kontsek, o pequeno Paul demonstra quão insuportável é a vida de um aluno em conseqüência de educadores indiscretos; Coração Denunciante (15'), de Marc Malze, trata do confronto com a vida e a morte de jovens e idosos.

Programa II: Perto e Longe, composto de documentários
Nos últimos anos, jovens cineastas vêm questionando as fronteiras clássicas entre documentário e ficção. Dependendo da perspectiva do espectador, este poderá questionar a autenticidade do caráter de documentário do filme, em Interior Exterior Mongólia (21'); Til Passow, em Howrah Howrah (26'), proporciona um olhar sobre a convivência humana na estação de trem central de Calcutá, uma das maiores da Ásia; em Numa Quarta-Feira à Noite em Tóquio (5'30"), Jan Verbeek concentra-se num aspecto mínimo, porém significativo, do dia-a-dia na capital nipônica. Já Escolha Livre (6'), de Daniel Kunle e Immo Lüdemann, apresenta o perfil de perseverança do dono de uma tenda na feira, e Notas Para a Cabeça (15'), de Fatima Abdollahyan, enfoca um fotógrafo chinês que vive em Munique e seu olhar interior/exterior sobre a Alemanha. Filme do Céu (15'), de Jiska Rickels, trata das diferentes formas de percepção e de dimensão do céu.
 
 
Dia 05- domingo
Programa IV: Fugir ou Ficar, sobre o lado sombrio da vida na Alemanha.
Temas difíceis são tratados com sensibilidade em Trocados (15'), de Marc Andreas Bochert, sobre o encontro de um homem de negócios com um sem-teto, e em Coelhinho na Toca (11'), de Hanna Doose, que enfoca o abuso no seio da família. Racionalidade e renúncia à comiseração distinguem o filme Dando o Fora (9'), onde Christoph Wermke tematiza a busca de chances de vida na província oriental da Alemanha. Tudo Como Antes (5'), de Tom Zenker, revela uma súbita explosão de violência como rodapé no cotidiano apressado. Em O Dia Em Que Winston Ngakambe Veio a Kiel (10'), Jasper Ahrens fantasia de forma maliciosa sobre como colonizar cidades no norte da Alemanha. Björn ou Os Obstáculos das Autoridades (15'), de Andreas Niessner, diverte o espectador, mas não o protagonista do filme, que pouco antes de viajar percebe que seu passaporte está vencido. Já em Genial (10'), de Ingo Rasper, a protagonista orquestra com mestria os desafios inerentes ao cargo de fiscal alfandegário durante uma viagem de trem na Alemanha pós-guerra.

Fonte: Simone Norbeto

Mais Sobre Cultura

Prefeitura realiza cadastramento de agentes da cultura

Prefeitura realiza cadastramento de agentes da cultura

A Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Fundação Cultural e em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), projeto Mesa Brasil d

Mãe cabocla, mãe brigadeira

Mãe cabocla, mãe brigadeira

Minha mãe era cabocla, era beiradeira,Não estudou, não teve tempo nem oportunidade para isso.Mas foi perfeita!Foi disparada a melhor mãe do mundo, sel

MÃE

MÃE

Ah, mãe! Palavra tão pequenina, mas de significado infinito....

Um artista de Rondônia está entre os contemplados no Arte como respiro

Um artista de Rondônia está entre os contemplados no Arte como respiro

O Itaú Cultural acaba de divulgar em seu site (www.itaucultural.org.br) os selecionados para o primeiro edital da série Arte como respiro: múltiplos e