Porto Velho (RO) segunda-feira, 15 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Cultura

MEC gasta R$ 8,5 milhões com laptops distribuídos a secretários de educação


 
Amanda Cieglinski
Agência Brasil
 
 
Brasília - Os 905 computadores portáteis que foram entregues pelo Ministério da Educação (MEC) aos secretários municipais que estão reunidos em Brasília são apenas parte dos 5.563 que a pasta adquiriu. A intenção é distribuir uma máquina para cada secretaria municipal de educação nos encontros que serão realizados até abril. Os gastos com a compra dos aparelhos chegam a R$ 8,5 milhões.

Para o especialista em administração pública, João Paulo Peixoto, professor da Universidade de Brasília (UnB), a ação do ministério é contraditória e mostra uma “inversão de prioridades”.

“Tenho certeza que para suprir as necessidades da educação básica dos municípios, a prioridade não é o fornecimento de laptops. As carências maiores, na maioria desses locais, é melhorar as salas de aula, os equipamentos pedagógicos, o transporte escolar, a remuneração dos professores”, compara.

Segundo o MEC, os laptops foram adquiridos por meio de pregão eletrônico e custaram R$ 1.540 cada. O modelo da marca Itautec tem 2GB de memória RAM e 160 de HD. A justificativa do ministério para a doação é de que o computador vai facilitar o acesso dos dirigentes municipais às informações relativas aos programas do governo federal na área educacional.

O secretário-executivo da pasta, Henrique Paim, disse ainda que as doações fazem parte do processo de inclusão digital e informatização que está sendo promovido pelo ministério.

Para o professor da UnB, as informações a respeito dos programas do ministério poderiam ser entregues aos secretários de outra forma, como em CD-ROMs.

“Certamente essas secretarias municipais de educação já tem um computador de mesa que poderia ser utilizado mediante um software para acesso a esses programas fornecidos pelo MEC”, aponta. Ele não acredita que a ação tenha um caráter eleitoreiro, mas classifica como uma “espécie de relações públicas”.

De acordo com o MEC, os secretários que receberem os computadores terão prazo de 60 dias para enviar ao ministério cópia do documento que declare o laptop como patrimônio da Secretaria Municipal de Educação e não do dirigente municipal.

O encontro com os secretários termina sexta-feira (6). Até lá, os dirigentes vão receber informações sobre os programas e as ações do MEC como o Brasil Alfabetizado, a Provinha Brasil, o Educacenso e o Programa Nacional de Tecnologia Educacional (ProInfo).

 

Mais Sobre Cultura

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Na tarde de quinta-feira (11), o Professor Aleks Palitot visitou a Escola Municipal de Educação Infantil Prof.ª Ronilza Cordeiro Afonso Dias, na Zona

SESC abre inscrições para exposição  e oficina de fotografia em Porto Velho

SESC abre inscrições para exposição e oficina de fotografia em Porto Velho

A exposição será realizada na rua Euclides da Cunha, com inscrições e impressões gratuitas no formato lambe-lambe

Cineamazônia participa do 1º Fórum Internacional de Festivais de Cinema de Ambiente em Portugal

Cineamazônia participa do 1º Fórum Internacional de Festivais de Cinema de Ambiente em Portugal

O Cineamazônia – Festival de Cinema Ambiental, realizado todos os anos em Porto Velho/RO, é um dos três festivais de cinema ambiental brasileiros e um