Porto Velho (RO) terça-feira, 16 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Cultura

Iniciadas as aulas na rede municipal de Porto Velho


Os alunos de 76 escolas municipais urbanas de Porto Velho voltaram às salas de aula nesta quinta-feira (7) para o início do ano letivo de 2008. Nas demais escolas, incluindo as que atendem a educação infantil, as aulas iniciam no dia 25 de fevereiro. "Para a maior parte dos nossos alunos, o ano letivo iniciou nesta semana", ressalta a secretária municipal de Educação, Epifânia Barbosa da Silva.

Apesar do período de chamada escolar já ter terminado, a Semed ainda está fazendo o encaminhamento de alguns alunos que até o final de janeiro solicitaram vaga ou transferência dentro da rede. A previsão é de atender cerca de 43 mil alunos neste ano. Cerca de quatro mil a mais que no ano passado.

Para garantir o atendimento, além de construir novas escolas, a exemplo da Elenilson Negreiros", no bairro Socialista, da "Encanto do Ipê", no São João Batista e da "Pequeno Polegar", no Mocambo, que serão inauguradas ainda este mês, também estão sendo alugados prédios e formalizados convênios com instituições filantrópicas e comunitárias. "Os alunos atendidos nessas escolas têm os mesmos benefícios que os demais, como merenda, uniforme e material escolar, e as instituições recebem um auxílio financeiro para se manter sem precisar cobrar mensalidade dos alunos. Esta tem sido uma determinação do prefeito Roberto Sobrinho desde o início de sua administração", esclarece a secretária Epifânia.

Área rural

O ano letivo de 2008 na área rural de Porto Velho inicia com a construção de mais duas escolas em parceria com a comunidade: uma na Bacia Leiteira, para atender a aproximadamente 30 alunos e outra na Linha 9, na Associação Taquara, em Abunã, com 58 alunos.

A Semed também está reativando a escola Valdecir Teixeira, na Linha 101 da BR-364, onde serão atendidos mais 48 alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental e 29 alunos do Programa Nacional de Inclusão de Jovens (ProJovem) Campo.

Outra novidade para este ano é a desativação das escolas com até 15 alunos matriculados e o remanejamento desses alunos para escolas maiores. Com a medida, escolas como a Nilo Peçanha, no km 56 da BR-364, que tinha nove alunos, e a Dr Sebastião de Paula, no Ramal Zeca Gordo, com seis alunos, serão desativadas. Os alunos dessas duas unidades serão remanejados para a escola Valdecir Teixeira, na Linha 101. "Os alunos das escolas que forem desativadas serão atendidos com transporte e terão vaga garantida na escola mais próxima. O dinheiro que gastaríamos para pagar professores e manter essas escolas funcionando será investido em melhorias nas demais escolas", destaca a diretora do Departamento de Educação (DE) da Semed, Julsira Almeida Carvalho.

Fonte: Ascom

Mais Sobre Cultura

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Na tarde de quinta-feira (11), o Professor Aleks Palitot visitou a Escola Municipal de Educação Infantil Prof.ª Ronilza Cordeiro Afonso Dias, na Zona

SESC abre inscrições para exposição  e oficina de fotografia em Porto Velho

SESC abre inscrições para exposição e oficina de fotografia em Porto Velho

A exposição será realizada na rua Euclides da Cunha, com inscrições e impressões gratuitas no formato lambe-lambe

Cineamazônia participa do 1º Fórum Internacional de Festivais de Cinema de Ambiente em Portugal

Cineamazônia participa do 1º Fórum Internacional de Festivais de Cinema de Ambiente em Portugal

O Cineamazônia – Festival de Cinema Ambiental, realizado todos os anos em Porto Velho/RO, é um dos três festivais de cinema ambiental brasileiros e um