Sábado, 20 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Cultura

Iniciadas as aulas na rede municipal de Porto Velho


Os alunos de 76 escolas municipais urbanas de Porto Velho voltaram às salas de aula nesta quinta-feira (7) para o início do ano letivo de 2008. Nas demais escolas, incluindo as que atendem a educação infantil, as aulas iniciam no dia 25 de fevereiro. "Para a maior parte dos nossos alunos, o ano letivo iniciou nesta semana", ressalta a secretária municipal de Educação, Epifânia Barbosa da Silva.

Apesar do período de chamada escolar já ter terminado, a Semed ainda está fazendo o encaminhamento de alguns alunos que até o final de janeiro solicitaram vaga ou transferência dentro da rede. A previsão é de atender cerca de 43 mil alunos neste ano. Cerca de quatro mil a mais que no ano passado.

Para garantir o atendimento, além de construir novas escolas, a exemplo da Elenilson Negreiros", no bairro Socialista, da "Encanto do Ipê", no São João Batista e da "Pequeno Polegar", no Mocambo, que serão inauguradas ainda este mês, também estão sendo alugados prédios e formalizados convênios com instituições filantrópicas e comunitárias. "Os alunos atendidos nessas escolas têm os mesmos benefícios que os demais, como merenda, uniforme e material escolar, e as instituições recebem um auxílio financeiro para se manter sem precisar cobrar mensalidade dos alunos. Esta tem sido uma determinação do prefeito Roberto Sobrinho desde o início de sua administração", esclarece a secretária Epifânia.

Área rural

O ano letivo de 2008 na área rural de Porto Velho inicia com a construção de mais duas escolas em parceria com a comunidade: uma na Bacia Leiteira, para atender a aproximadamente 30 alunos e outra na Linha 9, na Associação Taquara, em Abunã, com 58 alunos.

A Semed também está reativando a escola Valdecir Teixeira, na Linha 101 da BR-364, onde serão atendidos mais 48 alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental e 29 alunos do Programa Nacional de Inclusão de Jovens (ProJovem) Campo.

Outra novidade para este ano é a desativação das escolas com até 15 alunos matriculados e o remanejamento desses alunos para escolas maiores. Com a medida, escolas como a Nilo Peçanha, no km 56 da BR-364, que tinha nove alunos, e a Dr Sebastião de Paula, no Ramal Zeca Gordo, com seis alunos, serão desativadas. Os alunos dessas duas unidades serão remanejados para a escola Valdecir Teixeira, na Linha 101. "Os alunos das escolas que forem desativadas serão atendidos com transporte e terão vaga garantida na escola mais próxima. O dinheiro que gastaríamos para pagar professores e manter essas escolas funcionando será investido em melhorias nas demais escolas", destaca a diretora do Departamento de Educação (DE) da Semed, Julsira Almeida Carvalho.

Fonte: Ascom

Gente de OpiniãoSábado, 20 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

Programa francês de rádio disponibiliza arquivos do especial de música rondoniense

Programa francês de rádio disponibiliza arquivos do especial de música rondoniense

A inserção da música rondoniense em uma programa radiofônico de Marselha, a segunda maior cidade da França, está disponível de forma permanente em u

Estudantes de Jornalismo da Unir lançam revista sobre música de Rondônia

Estudantes de Jornalismo da Unir lançam revista sobre música de Rondônia

Uma reunião estratégica foi realizada no último dia 04, no gabinete do governador de Rondônia, Coronel Marcos Rocha. O Diretor-Superintendente do Se

Escola Pé de Murici recebe atividades do Projeto Cine Itinerante "Do mar do Caribe à beira do Madeira" nesta sexta-feira (05)

Escola Pé de Murici recebe atividades do Projeto Cine Itinerante "Do mar do Caribe à beira do Madeira" nesta sexta-feira (05)

Nesta sexta-feira (05 de julho), as ações do Projeto Cine Itinerante “Do mar do Caribe à beira do Madeira: Educação, Arte e Cultura cinematográfica

Gente de Opinião Sábado, 20 de julho de 2024 | Porto Velho (RO)