Porto Velho (RO) quarta-feira, 22 de janeiro de 2020
×
Gente de Opinião

Cultura

Escola João Bento paralisa as aulas em protesto contra o descaso do governo


 
Estudantes da Escola João Bento da Costa paralisam
as aulas em protesto contra o descaso do governo com a escola

Os estudantes da escola João Bento da Costa, iniciaram a manha desta segunda-feira, 30 de agosto, paralisando as aulas em protesto contra a precária situação da escola. Cerca de 1000 alunos participaram do protesto no pátio da escola.

Segundo os estudantes, esta manifestação foi iniciada na semana passada quando em assembleia com cerca de 100 representantes de turma dos turnos da manha e tarde, fora aprovado três dias de protestos e paralisação contra os problemas da escola.

Com cartazes, faixas e panfletos eles afirmam que são obrigados a estudar em salas caindo aos pedaços, sujas, abafadas, com portas e janelas quebradas, ventiladores e centrais de ar quebradas e infiltrações. Além de bebedouros sujos, com água quente e laboratórios mal equipados. Afirmam que a escola não tem manutenção da estrutura e que não passa por reforma há muito tempo.

No dia 25 de agosto os estudantes realizaram uma primeira manifestação, saindo das salas e colocando como principal reivindicação que as centrais de ar fossem concertadas, já que 30 destas centrais não estão funcionando. Denunciam que por conta do grande calor nas salas de aula, vários colegas já passaram mal e até mesmo desmaiaram no meio das aulas.

Denunciam que a escola é suja o tempo inteiro, pois não tem funcionários suficientes para manter a limpeza de uma escola grande como a escola João Bento da Costa.

Eles prometem entregar um abaixo assinado para a SEDUC exigindo que os problemas mais latentes sejam resolvidos com urgência, como o das centrais de ar. Caso contrário continuarão organizados e denunciando a situação e o descaso por parte do governo do estado em solucionar os problemas da escola.

(Segue a baixo o panfleto distribuído pelos estudantes na escola JBC) 
 

PARALISAÇÃO: EXIGIMOS NOSSOS DIREITOS!

Os estudantes da escola JBC - João Bento da Costa, há muito tempo têm sofrido com o sucateamento de toda a estrutura física do ambiente escolar. Temos que estudar em salas caindo aos pedaços, sujas, abafadas, com portas e janelas quebradas, ventiladores e centrais de ar quebradas e infiltrações. Além de bebedouros sujos, com água quente e laboratórios mal equipados. A escola não passa por uma reforma há anos e não tem manutenção. Estudantes e professores estão sentindo na pele o agravamento desta situação.

No último dia 25 de agosto, os estudantes revoltados paralisaram a escola, pois na época mais quente do ano 30 centrais de ar não estão funcionando! Dentro das salas de aula o calor é insuportável, não podemos subir com água e se descermos para ir ao bebedouro não nos deixam voltar para sala. Muitos de nossos colegas já passaram mal, alguns chegaram a desmaiar. Isto é um absurdo!

No início de agosto, após muitas reclamações, a direção da escola enviou o ofício nº210/2010 comunicando a situação à SEDUC (Secretaria da Educação) e pedindo a substituição das centrais. Como esperado pelos estudantes, a SEDUC ainda não enviou resposta. Temos certeza de que sem a pressão dos estudantes, este documento nunca resolverá o nosso problema.

Cansamos de aguardar pelas melhorias que não virão sem luta! Por isso, nós, estudantes combativos do João Bento, organizados de maneira completamente independente, decidimos em assembleia com cerca de 100 representantes de turma nos dois turnos, PARALISAR AS AULAS NESTA SEGUNDA-FEIRA DIA 30 DE AGOSTO. Decidimos também que na terça-feira entregaremos um abaixo assinado exigindo da SEDUC o cumprimento de nossas pautas.

Faremos o que for necessário para que nossas reivindicações sejam atendidas. Continuaremos manifestando nossa revolta e denunciando esta situação enquanto a SEDUC e o diretor da escola pensarem que vivemos de promessas. Exigimos que todas as centrais de ar funcionem, que todas as salas tenham portas, que o bebedouro funcione, que a escola tenha funcionários suficientes para mantê-la limpa, enfim, que nossa escola possua a estrutura necessária para suprir as reais necessidades dos estudantes e dos professores. Os estudantes já não pedem, exigem!

Nós estudantes do JBC, chamamos todos os estudantes, pais, professores honestos e comprometidos com a educação e população em geral para que juntos possamos lutar em defesa da qualidade do ensino público.

Comissão Pró-Grêmio da Escola João Bento da Costa

Mais Sobre Cultura

Orquestra Villa-Lobos de Porto Velho abre seleção para novos músicos voluntários e com bolsas de incentivo

Orquestra Villa-Lobos de Porto Velho abre seleção para novos músicos voluntários e com bolsas de incentivo

Aprovado pelo Ministério da Cidadania por meio da Lei Federal de Incentivo `Cultura e com o apoio do SICOOB, O Instituto Cultural Villa-Lobos de Port

Cultura popular em praça pública de Porto Velho

Cultura popular em praça pública de Porto Velho

Apaixonada pelas rimas, com dedicação à poesia e à prosa desde os 7 anos, a poetisa Maria de Nazaré Melo, 52 anos, não poupou elogios ao falar do proj

Porto Velho: apresentações culturais na Praça Getúlio Vargas são opções de lazer nesse fim de semana

Porto Velho: apresentações culturais na Praça Getúlio Vargas são opções de lazer nesse fim de semana

Com uma belíssima iluminação decorativa e apresentações culturais, a Praça Getúlio Vargas tornou-se um dos lugares mais visitados nesse fim de ano em

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

O Dia Nacional do Samba, foi comemorado em todo país na segunda-feira (02) e para celebrar a data com muita alegria e gingado, o que o ritmo proporcio