Porto Velho (RO) sábado, 25 de janeiro de 2020
×
Gente de Opinião

Cultura

EFMM cenário cultural de encerramento do Curta Amazônia


Sexta e sábado foi cenário importantíssimo em nossa cidade, porque foram dois dias de muita ação cultural durante a realização do 3º Curta Amazônia. Tivemos exibições de filmes históricos e científicos na sexta com os filmes de Stella Penido a bisneta de Oswaldo Cruz, o melhor dos sanitaristas que o Brasil já teve e, onde o mesmo esteve na região na época da construção da ferrovia Madeira Mamoré em 1910. Após os filmes convidados do Festival, tivemos apresentações das bandas "Testemunhas" que apresentaram momentos inesquecíveis de poesias e músicas conjugadas com o regional. A banda "Malcriados" com rock regional encerrou a noite de sexta com músicas e letras super-críticas ao sistema político, acordando os mandis e candirus do Rio Madeira, além de sucumbir as assombrações dos galpões da estação férrea, quem não foi perdeu.

No sábado, inicialmente tivemos uma bela apresentação regional da banda Duo Pirarublue da Amazônia que apresentou músicas de Binho, Sandro Bacelar e Gioconda, Trio Nordestino que insere numa música a Madeira Mamoré logo depois que foi desativada em 1972 pelo militares. Após a apresentação musical, tivemos a apresentação da premiação do concurso de pintura ambiental promovido pela Associação Curta Amazônia, premiação que contou com os premiados vindos do interior do estado e capital graças a parceira do Sistema Fiero na divulgação e apoio. Na sequência foi apresentado aos presentes o documentário do diretor rondoniense Carlos Levy, o filme "Madeira Mamoré: 100 anos depois o sonho não acabou...", retratando o início da exploração da borracha na Bolívia, até a reforma dos galpões das oficinas atualmente. Em seguida foram apresentados os melhores filmes vencedores do 3º Curta Amazônia, que levaram o Troféu "100 anos da Madeira Mamoré", homenagem da organização do Festival no ano do centenário de contrução da ferrovia.

 Confira os vencedores do 3º Festival de Cinema Curta Amazônia edição 2012 no site www.curtamazonia.com.

 As seguintes empresas privadas e órgãos públicos que acreditaram e contribuíram para realização de mais essa edição do Festival de Cinema Curta Amazônia em Porto Velho e contribuem ao potencial da cultura rondoniense como poder de transformação de uma sociedade: Eletrosul, Eletrobras do Governo Federal, Sesc Rondônia do Sistema Fecomércio, Secel-Secretaria Estadual de Cultura do Governo da Cooperação, ABD Rondônia, Fórum dos Festivais, Fundação Iaripuna, Coordenadoria de Políticas Públicas para mulheres, Emater, Aqui Publicidade e Imprensa Rondoniense.

Fonte: Ascom
 


 

Mais Sobre Cultura

Orquestra Villa-Lobos de Porto Velho abre seleção para novos músicos voluntários e com bolsas de incentivo

Orquestra Villa-Lobos de Porto Velho abre seleção para novos músicos voluntários e com bolsas de incentivo

Aprovado pelo Ministério da Cidadania por meio da Lei Federal de Incentivo `Cultura e com o apoio do SICOOB, O Instituto Cultural Villa-Lobos de Port

Cultura popular em praça pública de Porto Velho

Cultura popular em praça pública de Porto Velho

Apaixonada pelas rimas, com dedicação à poesia e à prosa desde os 7 anos, a poetisa Maria de Nazaré Melo, 52 anos, não poupou elogios ao falar do proj

Porto Velho: apresentações culturais na Praça Getúlio Vargas são opções de lazer nesse fim de semana

Porto Velho: apresentações culturais na Praça Getúlio Vargas são opções de lazer nesse fim de semana

Com uma belíssima iluminação decorativa e apresentações culturais, a Praça Getúlio Vargas tornou-se um dos lugares mais visitados nesse fim de ano em

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

Noite em Homenagem ao Samba no SESC Esplanada

O Dia Nacional do Samba, foi comemorado em todo país na segunda-feira (02) e para celebrar a data com muita alegria e gingado, o que o ritmo proporcio