Porto Velho (RO) sábado, 28 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Cultura

Dança contemporânea do Sesc apresenta 'Corponectivos' nesta quinta


Dança contemporânea do Sesc  apresenta 'Corponectivos' nesta  quinta - Gente de Opinião

A simetria do corpo humano e o espaço pessoal do movimento são temas do espetáculo “Corponectivos”, do Núcleo de Dança Contemporânea do Sesc, que será apresentado ao público de Porto Velho nesta quinta-feira, dia 28, às 20h, no Teatro 1. Dirigido e Coreografado por Cristiana Peixoto, bailarina formada pela Universidade Estadual do Amazonas, o grupo formado pelos bailarinos,  Andrea Melo, Natanael Sussuarana, Silmara Sales, Cáio Borges, Leonardo Scantbelruy, Ana Paula Venâncio, Rafael Barros,  Simone Norberto, Bruno Selleri, Rafaele Silva, Vania Souza , Isabel Oliveira, Iris Mendes, Felipe Maia, Mahmoud Baydoun fará sua estreia, desde que o Núcleo foi aberto em Abril de 2013.

“É o resultado do nosso trabalho de experimentação do movimento e sensações e investigação das possibilidades de cada corpo”, explica a coreógrafa. Cristiana conta que nas aulas, além de passos de dança, sempre se trabalhou elementos de consciência corporal, sensibilização artística, improvisação de movimentos. Tudo isso foi aproveitado no espetáculo, cujo tema é o “Homem Vitruviano”, imortalizado por Leonardo da Vinci, em esboço baseado nos estudos do arquiteto romano Marcos Vitrúvio, do século I antes de Cristo.

Além da inspiração nas proporções perfeitas do corpo humano, “Corponectivos”, segue a linha do bailarino e teórico Rudolf Laban, importante nome da dança, muito seguido pelos contemporâneos. “Temos coreografias que demonstram justamente os fundamentos de Laban como tempo, fluência, espaço e peso”, esclarece Cristiana Peixoto.

O próprio cenário, executado pelo cenógrafo Ismael Barreto, é baseado em estudos de Laban. A famosa Kinesfera, uma esfera formada por diversos triângulos, é utilizada também como objeto cênico, interatividade que explica tanto o conceito, quando o título do espetáculo, segundo esclarece a coreografa.

“Corponectivos”, conta ainda com a produção de Aldenice Almeida, também aluna do Núcleo. “Alguns de nossos bailarinos preferiram ficar nos bastidores, sem deixar de participar desse grande momento para o grupo que é a apresentação do trabalho”, comentou.

O espetáculo começou a ser montado em julho, mas os ensaios se tornaram mais intensos a partir de setembro. “Foi quando começamos a pensar juntos não só as coreografias, mas também cenário, figurino e maquiagem”, conta Cris. Lembra que as músicas, por exemplo, foram trazidas por todos. “O próprio nome do espetáculo foi resultado de um brainstorm que fizemos em aula. “ Diversas sugestões resultaram em “Corponectivos”, um espetáculo conceitual, dentro da estética contemporânea, executado e também experimentado pelos alunos bailarinos do Núcleo”, ressalta Cristiana, que destaca ainda o apoio fundamental do Sesc à proposta.
 

Gente de Opinião

Trajetória

Cristiana Peixoto é bacharel em dança pela UEA. Participou da Companhia Estatal “Balé Folclórico do Amazonas”, e do “Corpo de Dança GEDAN (Grupo espaço de dança do Amazonas). Em treze anos de carreira participou de vários espetáculos, entre os quais se destacam “Missa Cabocla”, “Jurupari” e a ópera “Floresta do Amazonas”, de Villa Lobos.
 

Núcleo de Dança Contemporânea

Um desejo antigo do Sesc, o Núcleo veio atender a uma demanda reprimida numa área que tem muitos talentos porém poucas opções. “Sabemos que há muitos bailarinos, sobretudo em grupos folclóricos como bumbás e quadrilhas e mais recentemente igrejas, porém pouca oportunidade de desenvolvimento artístico mais profundo para quem se interessa pela dança”, observa Fabiano Barros, coordenador de cultura do Sesc. Daí a abertura do núcleo, que ofereceu gratuitamente essa oportunidade a dezenas de alunos. “Houve tanta procura que abrimos duas turmas, uma com aulas aos sábados e outra com aulas às segundas e sextas”, contou. O espetáculo “Corponectivos” reúne bailarinos alunos das duas turmas.

Para a já bailarina Andra Melo o Núcleo representa celebração à dança e trabalho coletivo. “Mais uma vez o Sesc assume um papel importante no desenvolvimento cultural de Porto velho. Estamos muito felizes em participar de “Corponetivos”. Esperamos que o público goste do resultado de nosso esforço nos ensaios”, disse.

 

Serviço:

Espetáculo “Corponectivos” do Núcleo de Dança Contemporânea do Sesc

Teatro 1 do Sesc

28 de novembro, às 20h

De graça

Fonte: Simone Norberto /  foto Bel Izzi

Mais Sobre Cultura

Domingo tem Feira Cultural Novembro Negro no Mercado Cultural.

Domingo tem Feira Cultural Novembro Negro no Mercado Cultural.

A associação é um coletivo representado por várias mulheres, que surgiu baseado em um estudo que umas das fundadoras, Anny Cleyanne, assistiu atravé

Artistas habilitados ao recebimento do auxílio emergencial da cultura devem apresentar documentação até domingo, 29

Artistas habilitados ao recebimento do auxílio emergencial da cultura devem apresentar documentação até domingo, 29

Visando cumprir o compromisso com a classe artística rondoniense, o Governo de Rondônia, por meio da Superintendência Estadual da Juventude, Cultura,

Artistas de Vilhena podem se inscrever em edital que entregará R$ 225 mil a 22 projetos na cidade

Artistas de Vilhena podem se inscrever em edital que entregará R$ 225 mil a 22 projetos na cidade

A Fundação Cultural de Vilhena lançou edital do Prêmio Anita Pietchaki que vai entregar R$ 197 mil para as 22 melhores propostas artísticas apresentad

Relação dos habilitados a receber o auxílio emergencial destinado ao setor cultural de Rondônia é divulgada

Relação dos habilitados a receber o auxílio emergencial destinado ao setor cultural de Rondônia é divulgada

O Governo de Rondônia, por meio da Superintendência Estadual da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer de Rondônia (Sejucel) publicou a Portaria nº 226,