Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Cultura

CINEAMAZÔNIA: A ESCOLA VAI AO CINEMA


Dentro de sua proposta de levar o cinema ao maior número de pessoas de Rondônia, o CINEAMAZÔNIA – Festival de Cinema e Vídeo Ambiental, fechou parceria com a Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Educação com o projeto A Escola Vai ao Cinema.

De acordo com a Secretaria de Educação, Epifânia Barbosa, o projeto A Escola Vai ao Cinema "possibilitou a inclusão de alunos e professores de 10 escolas municipais, que começam a assistir a exibição dos trabalhos do acervo do CINEAMAZÔNIA, democratizando o acesso a produção de curta metragem produzidos no Brasil".

As escolas municipais participaram do projeto A Escola Vai ao Cinema foram a Rio Guaporé, Antonio Ferreira, Rio Madeira, Estela Compasso, Saul Bennesby, Manoel Aparício, Francisco Erse (Padrão), Pingo de Gente, São Pedro e Darcy Ribeiro.

Com seu início na segunda-feira, 31, a programação do A Escola Vai ao Cinema prosseguiu até sexta, 04 de agosto, com a exibição dos melhores trabalhos que participaram das últimas edições do CINEAMAZÕNIA e de um vídeo institucional sobre o projeto Piatam Oeste, parceiro da IV Edição do CINEAMAZÔNIA, que ocorre de 15 a 19 de novembro de 2006.

O projeto Piatam Oeste, é um projeto de pesquisa sócio-ambiental que reunirá pesquisadores da Universidade Federal de Rondônia (Unir) e outras instituições da Amazônia Ocidental para monitorar as atividades da indústria do petróleo e gás nos estados de Rondônia e Acre. O novo projeto pretende atuar também na promoção de informações em ciências naturais e sociais, modelagem ambiental, nanotecnologia, robótica e biologia molecular.

Inscrições - Abertas no início de junho, as inscrições à IV Edição do CINEAMAZÔNIA estão sendo feitas até o dia 31 de agosto, e podem ser efetuadas com trabalhos em filmes – 35 ou 16 mm – e vídeos produzidos em qualquer formato, com duração máxima de 26 minutos e feitos a partir do ano 2000. Para produções internacionais, o trabalho deverá ser dublado ou legendado em português. Uma das novidades para esta edição é a igualdade de bitolas entre os filmes participantes.

Produtores, cineastas e profissionais podem encontrar todas as informações – regulamento, premiação e ficha de inscrição no site oficial do evento, no endereço www.cineamazonia.com .

Mais Sobre Cultura

O ZÉ E O SALÁRIO MÍNIMO - Por Humberto Pinho da Silva

Não sei se já vos falei do Zé. Conheci-o desde menino, dos bancos do liceu.

Escritora lança livro que conta a história dos bairros de Porto Velho

Escritora lança livro que conta a história dos bairros de Porto Velho

O lançamento do livro contou com o apoio da Prefeitura

Funcultural realiza o Som Livre

Funcultural realiza o Som Livre

De acordo com o presidente da Funcultural, Fernando Ocampo, o Som Livre será realizado quinzenalmente, de forma itinerante, em vários espaços da cidad

Os bairros na História de Porto Velho, o novo de livro de Yêdda Pinheiro Borzacov

Os bairros na História de Porto Velho, o novo de livro de Yêdda Pinheiro Borzacov

A professora e historiadora Yêdda Pinheiro Borzacov, membro da ACLER, realiza lançamento do livro "Os bairros na História de Porto Velho", amanhã, 12/