Porto Velho (RO) terça-feira, 16 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Cultura

Ceeja Padre Moretti abre matrículas em março


 

As matrículas para o curso do Centro Estadual de Educação de Jovens e Adultos (Ceeja) da escola Padre Moretti, de Porto Velho, estarão abertas para as turmas de 2009 a partir do dia 02 de março. O curso é modular. O aluno fica à vontade para se matricular em qualquer disciplina do ensino fundamental e médio, de acordo com sua necessidade e tempo disponível. No ato da matrícula o estudante recebe as apostilas gratuitamente. O material é editado pelo Centro de Ensino Tecnológico de Brasília (Ceteb) e adquirido com recursos da Secretaria de Estado da Educação (Seduc). Para matrícula o aluno deverá apresentar duas fotos 3X4, histórico escolar regulamentado e cópias do RG e do comprovante de residência.

De acordo com José Joaquim Pereira da Silva, diretor da escola, não existe um tempo fixado para a conclusão do curso. “O fator determinante na duração do curso é o tempo e interesse dedicados pelo aluno. Há alunos que concluem os estudos em cinco ou seis meses” – disse o diretor. O atendimento ao estudante é feito em dois horários. Das 13h30 às 17h30 e das 18h30 às 22h30, estando em análise a possibilidade, segundo o diretor, de estender as aulas também para o período da manhã. “Vale destacar que o estudante é um aluno do curso e não de uma determinada faixa de horário, podendo freqüentar qualquer período, de acordo com suas possibilidades no dia da aula” – explica José Joaquim.

Nas segundas, quartas e sextas-feiras são feitas as avaliações, sendo reservadas as terças e quintas-feiras para orientações e esclarecimentos de dúvidas. As aulas são ministradas de forma muito produtiva. Os professores das diversas disciplinas ocupam uma grande mesa. Na frente de cada professor é posicionada uma fileira de alunos matriculados na matéria de sua especialidade, o que garante um atendimento eficaz, pois a concentração do educador estará voltada somente para os alunos a sua frente.

O Ceeja é um curso especializado no atendimento de jovens e adultos trabalhadores que não tiveram acesso ou permanência nos estudos no período considerado “normal”.  As aulas são ministradas por professores da rede pública Estadual de Ensino, devidamente habilitados nas áreas específicas. O objetivo do aluno é a eliminação de módulos das disciplinas, que são compostas de um a 12 módulos. As matérias com maior quantidade de módulos, português e matemática, apresentam 10 e 12 módulos, respectivamente.  O Ceeja Padre Moretti atende cerca de 1.800 alunos. O certificado de conclusão do curso é fornecido na própria escola. A professora Marli Cahulla, secretária Estadual de Educação, manifestou sua satisfação com o trabalho desenvolvido pelo Ceeja em todo o Estado. “Esse é um grupo de alunos que merece toda a nossa atenção, pois é formado por pessoas batalhadoras e íntegras, que infelizmente não tiveram a oportunidade de estudo no período convencionado como ‘próprio’” – conclui a titular da Seduc.

Fonte: Decom

Mais Sobre Cultura

Wankabuki apresenta peça “À Margem” em três cidades de Rondônia

Wankabuki apresenta peça “À Margem” em três cidades de Rondônia

O Grupo de Teatro Wankabuki, de Vilhena (RO), realizará entre os dias 17 e 26 de outubro uma série de apresentações da peça “À Margem” nos municípios

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Na tarde de quinta-feira (11), o Professor Aleks Palitot visitou a Escola Municipal de Educação Infantil Prof.ª Ronilza Cordeiro Afonso Dias, na Zona

SESC abre inscrições para exposição  e oficina de fotografia em Porto Velho

SESC abre inscrições para exposição e oficina de fotografia em Porto Velho

A exposição será realizada na rua Euclides da Cunha, com inscrições e impressões gratuitas no formato lambe-lambe