Porto Velho (RO) sábado, 20 de outubro de 2018
×
Gente de Opinião

Cultura

ARTISTAS FAZEM INTERVENÇÃO URBANA NA CASA DE CULTURA


 
ARTISTAS FAZEM INTERVENÇÃO URBANA NA CASA DE CULTURA - Gente de Opinião
 
 
Após inauguração de uma exposição fotográfica coletiva, os artistas do Coletivo Madeirista, Rinaldo Santos, Sandra Pontieri, Janaína Leity, Anderson Silva, Marcia Maciel, Joesér Alvarez e Ariana Boaventura realizaram uma ação de intervenção urbana na Casa de Cultura Ivam Marrocos na última sexta-feira, dia 12 de março, como parte das ações do Ponto de Cultura ACME.
 
ARTISTAS FAZEM INTERVENÇÃO URBANA NA CASA DE CULTURA - Gente de Opinião
 
 
Em contrapartida ao apoio recebido pelo  Ministério da Cultura através do Edital n° 02/2009 de Intercâmbio e Difusão Cultural para participação na 12ª Generative Art Conference, evento de caráter multidisciplinar que ocorreu de 14 a 17 de dezembro na Politécnica de Milão, a exposição, mostra em mais de 100 fotografias a trajetória do grupo durante o tempo em que estiveram na Itália realizando performances e intervenções urbanas do Projeto Inventário das Sombras.
 
 
ARTISTAS FAZEM INTERVENÇÃO URBANA NA CASA DE CULTURA - Gente de Opinião
 
 
O projeto, que nasceu em outubro de 2004 na calçada da casa de Cultura Ivam Marrocos durante uma oficina do Programa Rede Nacional de Artes Visuais - FUNARTE, após ser replicado em várias cidades do país e receber contribuições de participantes de três continentes, durante o workshop do Ponto de Cultura ACME voltou às origens, sendo reinstalado na calçada com a participação dos presentes à inauguração.
 
O Secretário de Cultura Jucélis de Freitas e o próprio diretor da Casa, Geraldo Cruz dentre outros, fizeram questão de deixar o registro de suas sombras impregnado na calçada, conforme as palavras de um dos presentes à Mostra: "é um projeto de humanização do espaço público, de democratização e inclusão social que nos deixa orgulhosos em participar".
 
Com o apoio da Escola 21 de Abril, SECEL e do Programa Cultura Viva do Governo Federal, o  Ponto de Cultura ACME, enfatiza suas ações junto à comunidade portovelhense, demonstrando mais uma vez a validade dos versos cantados  na música de Milton Nascimento: "todo o artista tem de ir aonde o povo está" e convida a todas as pessoas que quiserem fazer parte do projeto para entrar nêle enviando uma foto de sua sombra, ou qualquer sombra que desejar ao e-mail coletivomadeirista@gmail.com.
 
 
FONTE: Ascom/ACME

Mais Sobre Cultura

Wankabuki apresenta peça “À Margem” em três cidades de Rondônia

Wankabuki apresenta peça “À Margem” em três cidades de Rondônia

O Grupo de Teatro Wankabuki, de Vilhena (RO), realizará entre os dias 17 e 26 de outubro uma série de apresentações da peça “À Margem” nos municípios

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Professor Aleks Palitot doa livros para escola municipal infantil

Na tarde de quinta-feira (11), o Professor Aleks Palitot visitou a Escola Municipal de Educação Infantil Prof.ª Ronilza Cordeiro Afonso Dias, na Zona