Porto Velho (RO) quarta-feira, 20 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Cultura

Acadêmicos da São Lucas realizam estudo sobre o consumo de banana da terra


 

Criar hábitos mais saudáveis e contribuir para melhorar a saúde da população é um dos objetivos de estudo sobre o consumo de banana da terra (Musa spp.) que está sendo feito pelos acadêmicos Márcio Célio Pereira, Anete Almeida de Souza, Maria Roseneide Soares Batista e Ane Patrícia Macedo Gama, do 8º Período do Curso de Nutrição da Faculdade São Lucas. A iniciativa leva em consideração que em Porto Velho é comum o hábito do consumo de banana da terra nas suas mais variadas formas de preparo. De alto valor energético, a banana da terra é fonte de vitaminas e minerais importantes à manutenção da vida, além de ser um alimento muito comum e tradicional na Região Norte. Rica em amido e fonte de vitaminas e minerais, a banana da terra pode ser preparada de diversas formas, sendo que o seu valor nutritivo está em toda a fruta, até mesmo sua casca, tanto madura quanto verde. 

O estudo também faz um alerta de que o consumo elevado de alimentos calóricos promove aumento de peso corporal, contribuindo com o aumento da obesidade e surgimento de doenças como dislipidemias e coronárias. Frente à possibilidade de influência da urbanização no modo de preparo da banana da terra em Porto Velho e a conseqüente elevação calórica, a pesquisa visa o levantamento de dados sobre as variações no preparo da banana da terra, o perfil sócio-econômico dos consumidores, sua origem e a importância da banana da terra na dieta, objetivando disseminar na população condutas mais saudáveis e diversificadas a partir da banana da terra.

Orientados pela professora Luna Mares, coordenadora da Clínica de Nutrição da Faculdade São Lucas, os acadêmicos estarão realizando, em setembro e outubro, uma pesquisa de campo junto aos moradores dos bairros Liberdade (zona norte) e Nova Floresta (zona sul) para coletar informações sobre o consumo, principalmente quanto à forma de preparação da banana da terra. A pesquisa de campo também deve envolver os acadêmicos a partir do 3º Período do Curso de Nutrição. Aos moradores dos dois bairros serão distribuídos livros contendo receitas de preparação exclusiva com a banana da terra, com menos calorias e mais saudáveis, conforme antecipou o acadêmico Márcio Pereira. “A meta é disseminar na cidade informações que possam contribuir para criar uma cultura sobre o consumo mais saudável da banana”, disse. Os dados colhidos poderão servir para a elaboração de programas educacionais sobre alimentação saudável e qualidade de vida da comunidade. Foram escolhidos os bairros Liberdade, por ser um dos mais antigos e sua população apresentar hábitos regionais típicos, e Nova Floresta, que apresenta características variadas por ser mais novo e onde habitam moradores de vários lugares. Os questionários serão aplicados em 150 residências do bairro Liberdade e em 150 residências do bairro Floresta.

Fonte: Chagas Pereira

 

Mais Sobre Cultura

Espetáculo ÌFÉ estreia neste sábado inspirado em figura religiosa histórica de Porto Velho

Espetáculo ÌFÉ estreia neste sábado inspirado em figura religiosa histórica de Porto Velho

O espetáculo ÍFÈ, da Companhia Beradera de Teatro, estreia neste sábado (23), às 20h, em Porto Velho e tem como inspiração a história de importante fi

Nossos agradecimentos em sol maior para todos e todas que fizeram o Canta Mulher 2019

Nossos agradecimentos em sol maior para todos e todas que fizeram o Canta Mulher 2019

Sonhos de MarçoPorto de sons e sonhos...Em marçouma paisagem sonorade cantos...um cenário a partecenas se repartem ese juntam em melodiasdiferentesDe

FERROVIÁRIOS ELEGEM NOVA EXECUTIVA SOB PROMESSA GOVERNAMENTAL BOTAR O TREM PRA ANDAR

FERROVIÁRIOS ELEGEM NOVA EXECUTIVA SOB PROMESSA GOVERNAMENTAL BOTAR O TREM PRA ANDAR

Porto Velho, RONDÔNIA - Ainda sem local adequado para se instalar e funcionar como em décadas atrás, a nova diretoria da Associação dos Ferroviári

Projeto Sesc Mulher promove um mês inteiro de atividades alusivas ao Dia Internacional da Mulher

Projeto Sesc Mulher promove um mês inteiro de atividades alusivas ao Dia Internacional da Mulher

Em celebração ao Dia Internacional da Mulher (08 de março), o Sesc em todo o Brasil prepara diversas programações sociais. As atividades têm como