Porto Velho (RO) domingo, 3 de julho de 2022
×
Gente de Opinião

Cultura

A relação do rio e a dança é tema do terceiro dia do Festival Águas que me Tocam, que vai ao ar nesta sexta, 27


A relação do rio e a dança é tema do terceiro dia do Festival Águas que me Tocam, que vai ao ar nesta sexta, 27 - Gente de Opinião

“O Rio que se Move em Mim” é tema do terceiro dia do festival multiartístico Águas que me Tocam, que recebe a bailarina Edcléia Jucá e o diretor e dramaturgo Fabiano Barros para um bate-papo sobre como o rio atravessa a vida e obras produzidas pelos convidados. Idealizado e apresentado por Juraci Júnior, o festival é exibido todas às sextas-feiras, a partir das 20h do horário de Rondônia, pelo YouTube: https://www.youtube.com/juracijunior.

 

O episódio conta, ainda, com a exibição da vídeo-performance-dança “O Rio que se Move em Mim”, um experimento de Edcléia criado especialmente para o festival e que é resultado da pesquisa da bailarina sobre os corpos dançantes amazônicos. Na entrevista, ela detalha suas criações a partir de suas observações e vivências num encontro da arte de movimento dos corpos e dos movimentos dos rios.

 

O público também confere a exibição do espetáculo de dança contemporânea “D´água e Lama”, dirigido por Fabiano e coreografado por Gilca Lobo, nascido através de uma pesquisa fotográfica em comunidades à beira do Rio Madeira, em Rondônia, e transportada para a linguagem da dança.

 

O festival “Águas que me Tocam” de artes integradas é mais um produto cultural regional da Casa do Rio Filmes, contemplado pelo Edital nº 32/2021/SEJUCEL-CODEC - 2ª Edição Pacaás Novos - Prêmio para Difusão de Festivais Mostras e Feiras Artísticos-Culturais. lei 14.017/2020 Lei Aldir Blanc. Contempla obras em diversas linguagens artísticas, utilizando como pano de fundo a relação das pessoas, das artes e da cidade com o rio. No total, serão cinco episódios, com exibição sempre às sextas-feiras. 

 

O primeiro episódio foi ao ar no dia 13 de maio e apresentou ao público um show musical do compositor e intérprete Bado, com um repertório emocionante, composto por músicas que têm as águas como inspiração. O segundo episódio exibiu os curta-metragens Quimera e Sinfonia para Teotônio, obras audiovisuais que revelam um rio de memórias, histórias e amores, tendo como convidados o dramaturgo e diretor Tarcísio Lara Puiati e Joesér Alvarez, do Coletivo Madeirista,

 

Confira os episódios que já rolaram e acompanhe a programação dos próximos:

 

“O Rio e a Música”: https://youtu.be/ch1qr_z0mao 

 

“O Rio e as Memórias”: https://youtu.be/bNQ9L023S5E 

 

27/05

“O Rio que se Move em Mim”: corpos dançantes se manifestam, mostrando como as águas atravessam a trajetória dos nossos artistas. Exibição de “O Rio que se Move em Mim”, de Edcleia Jucá, e do espetáculo de dança contemporânea “D´água e Lama”, dirigido por Fabiano Barros e coreografado por Gilca Lobo. 

 

03/06

“O Rio que me Sustenta”: lançamento do documentário “Águas que me Tocam”, (direção de Juraci Júnior), criado para o festival, e que traz vozes de homens e mulheres amazônidas, que mantém uma relação muito próxima com os rios, e bate-papo com Clarinda Ramos, indígena sataré-mawé mestra em Antropologia Social, e Gustavo Gurgel do Amaral, doutor em geografia dos Sabores.

 

10/06

“O Rio e a Palavra”: apresentação do espetáculo “Mormaço/Estiagem”, de Elizeu Braga (RO), poeta, que desponta como um dos principais nomes da literatura nacional

Contemporânea. 

Galeria de Imagens

Mais Sobre Cultura

Ações de incentivo à juventude, cultura, esporte e lazer destacaram a missão do Governo de Rondônia

Ações de incentivo à juventude, cultura, esporte e lazer destacaram a missão do Governo de Rondônia

A Sejucel conta com mais de 700 jovens participando do projeto “Juventude Solidária”, com a finalidade de desenvolver ações cívico-sociais pelo Estado

Dia 29/06 tem lançamento de clipe tecnobrega do grupo As de Saias

Dia 29/06 tem lançamento de clipe tecnobrega do grupo As de Saias

O grupo As de Saias se prepara para o lançamento do videoclipe da canção tecnobrega “Nó”, dirigido por Juraci Júnior, em uma co-produção entre Casa

Projeto Sesc 52 leva programação literária em suas últimas semanas de circulação no interior de Rondônia

Projeto Sesc 52 leva programação literária em suas últimas semanas de circulação no interior de Rondônia

O Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE de Rondônia, por meio do Sesc/RO, reafirmando seu objetivo de integração, inclusão social e fomentador da cultu

Cia de Artes Ji-paranaense apresenta nos dias 27 e 28 de junho espetáculo inspirado na migração de mulheres no ciclo da borracha.

Cia de Artes Ji-paranaense apresenta nos dias 27 e 28 de junho espetáculo inspirado na migração de mulheres no ciclo da borracha.

Desde sua criação a Cia Clandestinos de Artes vem abordando temáticas de grande importância que vão desde assuntos da esfera intimista como também n