Porto Velho (RO) terça-feira, 17 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Robson Oliveira

Resenha política 06/10/10


 

 

Resenha política 06/10/10 - Gente de OpiniãoMito rompido

Foi uma eleição histórica em Rondônia, pois alguns mitos foram quebrados com os resultados das urnas. Um deles era a de que o atual grupo governista era imbatível. O eleitor rondoniense mostrou que não aceita garroteamento de nenhum grupo político e nem as ameaças de déspotas.

 

Gente de OpiniãoDesempenho

A vitória do senador Valdir Raupp (PMDB) foi retumbante. Ele bateu seu principal desafeto nos principais colégios eleitorais e, em especial, Rolim de Moura. Um desempenho memorável em sua biografia política.

 

Gente de OpiniãoIra palaciana

O senador eleito Ivo K-Sol, na primeira entrevista radiofônica, não escondia sua ira com os servidores públicos que, segundo ele, são ingratos por votar contra o atual grupo governista. O erro de K-Sol foi subestimar os adversários e achar que bastava um grito ali, um esporro aqui e umas ameaças acolá que sua 'tulha' transbordava de votos. A tulha não encheu o suficiente para transbordar. Ele ficou uma arara e destila ira por todos os poros.

 

Gente de OpiniãoBaú

Pela entrevista concedida à Rádio Rondônia, a estratégia do seu pupilo K-Ola (sic) é tentar buscar fantasmas no baú para tentar impedir a curva ascendente do forte adversário peemedebista, Confúcio Moura. O próprio ex-governador já sinalizou quais: 'Berão, Cerão (sic), atraso de salários, entre outros gargalos na época que os peemedebistas administraram o Estado.

 

Gente de OpiniãoLongevidade

Os temas pretéritos que os governistas tentam trazer ao debate político dos dias de hoje dificilmente prosperarão, porque a realidade atual é incomensuravelmente distinta daquela de 15 anos atrás. Esse baú não dará a felicidade que os governistas almejam, pois o tempo se encarregou de esclarecer as circunstâncias da época. Outro problema para os governistas é imputar ao Confúcio Moura uma responsabilidade que ele não deu causa. Além do mais, a vida longeva política de Confúcio Moura atesta a capacidade de administrador competente, moderno, inteligente e independente.

 

Gente de OpiniãoSubestimar

Mesmo com um resultado vantajoso no primeiro turno, a equipe de apoio de campanha de Confúcio Moura informou à coluna que tem consciência de uma disputa dura nesse segundo turno. Seus integrantes revelaram também que não vão subestimar a capacidade dos adversários. Especialmente diante da máquina administrativa de que dispõem.

 

Gente de OpiniãoBazófia

Pode parecer que não, mas o grande derrotado nas urnas foi exatamente K-Sol, visto que ele alardeava por onde passava que elegeria para governador K-Ola (sic) e toda a bancada federal. Além de imporia uma derrota humilhante a Valdir Raupp.  Deu no que deu.

 

Gente de OpiniãoEquívoco

Os coordenadores da campanha da senadora Fátima Cleide (PT) cometeram um equívoco amador ao mirar suas artilharias para o concorrente Valdir Raupp, poupando o tradicional desafeto Ivo K-Sol. Tudo indica que avaliaram que o ex-governador seria imbatível e optaram em bombardear Raupp na esperança de levar a segunda vaga. E não dirigiram uma única crítica ao inventor de K-Ola.

 

Gente de OpiniãoProfissional

Munido de pesquisas (no plural), Raupp processou a informação de que dispunha de condições objetivas de se consagrar o senador mais votado. Montou a campanha de forma profissional visando ultrapassar o principal concorrente antes do mês de setembro, sem perder de vista a terceira colocada.

 

Gente de OpiniãoPesquisas

De olho no monitoramento feito a cada três dias, as pesquisas internas indicaram a Raupp que ele havia ultrapassado K-Sol antes do previsto. Isso não fez com que se acomodasse. Ao contrário, intensificou a campanha. Chegou a discursar para meia dúzia de pessoas com o mesmo entusiasmo com que falou para milhares.  Caminhava pelas principais ruas das cidades apertando a mão do eleitor sob um sol escaldante até o último dia da campanha. Isso fez o diferencial.

 

Gente de OpiniãoFênix

Raupp também conseguiu uma votação fantástica em Porto Velho, colégio eleitoral que tradicionalmente votava contra ele pelas razões que todos conhecem.  Hoje, em paz com o sindicalismo e com a maioria servidores públicos, o senador peemedebista renasceu perante um eleitor crítico e bem informado.

 

Gente de OpiniãoDesafio

Pelos números disponíveis no TRE, reside na capital o maior desafio dos governistas neste segundo turno. A tendência da capital é repetir a maior rejeição à candidatura 'chapa branca'.

 

Gente de OpiniãoBaixaria

Há quem aposte numa campanha com ataques da cintura para baixo, mas os exemplos nacionais mostram que o eleitor tem abominado este tipo de política suja e repelido os candidatos que utilizam dos expedientes sórdidos para conseguir seus intentos. No segundo turno pesa a capacidade do candidato em dialogar com competência e provar que é capaz de melhorar a qualidade de vida da população. Não há espaço para baixarias nem ameaças.

 

Gente de OpiniãoRetaliação

Surgem denúncias de que está havendo pressão a servidores públicos que ousaram se rebelar contra a postulação do atual governador. Nada ainda comprovado, mas quem conhece o modus operandi dos palacianos sabem do que são capazes. Em todo caso: é de bom alvitre os órgãos fiscalizadores das eleições intensificarem visitas aos órgãos públicos.

 

Gente de OpiniãoAbuso

Há indícios também de rádios no interior do Estado, abrindo espaços generosos a um grupo político em detrimento dos demais. O privilégio pode ser caracterizado como abuso de poder político.

 

Resenha política 06/10/10 - Gente de OpiniãoSangrando

Expedito Junior foi, sem dúvida, o candidato mais prejudicado nestas eleições pela insegurança jurídica causada pela inércia da Justiça em procrastinar uma decisão definitiva sobre a aplicação da 'Lei Ficha Limpa'. Concorrendo com uma liminar, foi compelido a justificar todos os dias que continuava na campanha. Além de ser obrigado a desmentir diariamente os boatos que eram espalhados e que ajudaram a minar sua candidatura. Esta coluna avisou antecipadamente a queda do candidato diante dos problemas enfrentados.

 

Gente de OpiniãoResistência

Apesar das adversidades que foi obrigado a enfrentar, Junior demonstrou uma resistência política fenomenal. Perdeu as eleições, mas manteve um bom desempenho nas urnas dos colégios eleitorais da Zona da Mata onde disputa com K-Sol e Raupp a hegemonia política.

 

Gente de OpiniãoRessentimento

Ao declinar apoio neste segundo turno ao candidato Confúcio Moura, Expedito Junior não escondeu os ressentimentos contra o grupo político de Ivo K-Sol, ex-aliado. Coube a K-Sol as críticas mais acerbas a Junior durante o primeiro turno. No debate entre os candidatos a governador na TV Candelária, por exemplo, K-Sol xingava Junior com adjetivos impublicáveis.

 

Gente de OpiniãoNota

Uma nota conjunta divulgada pelo PT e PSB indica que as duas legendas podem optar por anunciar o apoio ao candidato do PMDB, Confúcio Moura, a qualquer momento. Pelo menos é o que se intui das entrelinhas. Mas a decisão caberá a uma reunião a ser realizada amanhã (quinta-feira), em Porto Velho. Como PMDB e PT estão coligados na chapa presidencial, o apoio local é o caminho natural.

 

Gente de OpiniãoSuperação

Não podemos deixar de registrar a expressiva votação recebida pela deputada federal Marinha Raupp (PMDB), ultrapassando os 100 mil votos. Ela conseguiu ainda a proeza de ser a terceira mais votada proporcionalmente no país. E a segunda entre as mulheres. Fez sozinha a legenda. Algo que muitos duvidavam.

 

Gente de OpiniãoReconhecimento

A vitória do deputado federal Mauro Nazif (PSB) é o reconhecimento de um trabalho exemplar no Congresso Nacional. O parlamentar é um daqueles políticos que dignifica qualquer representação. Mereceu o retorno. Já Nilton Capixaba, também bem votado, retorna ao parlamento nacional com uma pecha negativa e podendo levar Rondônia aos noticiários indesejáveis.

 

Gente de OpiniãoConsolidado

Moreira Mendes conseguiu se consolidar com um genuíno representante do setor produtivo de Rondônia. Expandiu a votação por todos os municípios com um discurso claro e objetivo na defesa do agronegócio e da pecuária. Deverá compor a bancada do 'alto clero' na Câmara Federal pela competência com que aborda as questões econômicas. Fez por merecer o retorno.  

 

Resenha política 06/10/10 - Gente de OpiniãoMago

O historiador Francisco Matias, proprietário do Instituto de Pesquisa Seção Norte, foi responsável em municiar a campanha do senador Valdir Raupp com os dados sobre a tendência dos votos. Mesmo com recursos tecnológicos infinitamente menores que os grandes institutos, os números apurados e tabulados por Matias bateram com as urnas. Esta não é a primeira vez que acerta. Esta coluna foi a única que antecipou a curva ascendente do senador.

 

Gente de OpiniãoNo campo

Matias já está em campo colhendo os dados do segundo turno e revelou a coluna a tendência dos eleitores da capital numa primeira apuração. Como não está registrada não podemos declinar os percentuais. Mas não é difícil intuir a tendência interpretando os votos apurados domingo passado.  

 

Siga o Gentedeopinião no Gente de Opinião



 Fonte:  Robson Oliveira - robsonoliveirapvh@hotmail.com
 
Gentedeopinião   /  AMAZÔNIAS   /  RondôniaINCA   /   OpiniaoTV
 Energia & Meio Ambiente   /   YouTube / Turismo   /  Imagens da História

 

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Robson Oliveira

Bipolaridade do governo + Operação com a Polícia Federal + Os conflitos agrários

Bipolaridade do governo + Operação com a Polícia Federal + Os conflitos agrários

BIPOLAR – A bancada do PSL - partido da família Bolsonaro – passa por dois dilemas difíceis de resolver: o primeiro na Câmara Federal - é contra a ins

Os estúpidos! + Lorota  + gasoduto para abastecer Rondônia + Marcos Rocha e os madeireiros

Os estúpidos! + Lorota + gasoduto para abastecer Rondônia + Marcos Rocha e os madeireiros

ESTÚPIDOS – Embora os seguidores (cegos) do bolsonarismo não vejam os danos causados às exportações brasileiras pelas besteiras e pelos impropérios

Secretário néscio + Boquirroto + Garimpo é um desastre + Ufanismo

Secretário néscio + Boquirroto + Garimpo é um desastre + Ufanismo

NÉSCIO – Ao propor a extinção do Incra para que o estado avoque as funções fundiárias desenvolvidas pelo órgão federal, Evandro Padovani, Secretário d

Bazar da Solidariedade + Exagero em relação ao projeto de abuso de autoridade + As declarações destemperadas do presidente

Bazar da Solidariedade + Exagero em relação ao projeto de abuso de autoridade + As declarações destemperadas do presidente

BAZAR – O evento “Bazar da Solidariedade”, de iniciativa do Procurador Federal Reginaldo Trindade, ocorrido sábado passado na capital para arrecadar f