Porto Velho (RO) domingo, 26 de maio de 2019
×
Gente de Opinião

Montezuma Cruz

Criança pobre dos EUA, conte comigo!


Criança pobre dos EUA, conte comigo! - Gente de Opinião

MONTEZUMA CRUZ

Uma em cada seis crianças nos Estados Unidos tem insegurança alimentar. Estatísticas mostram que crianças com fome lutam com desempenho acadêmico, frequência e comportamento na escola.

O abaixo-assinado da change.org veio à minha caixa postal, assinei-o prontamente. Poxa, um simples vivente em Rondônia dando pitaco na política norte-americana!
Melhoremos a vida deles lá também. Ou você ainda acredita que lá não há pobreza?

The National School Lunch Program and the School Breakfast Program serve 30 million meals daily to school children across America. Millions who can’t pay get free or reduced-price meals so they don’t go hungry.

O Programa Nacional de Almoço Escolar e o Programa de Café da Manhã Escolar atendem 30 milhões de refeições diárias para crianças em idade escolar nos Estados Unidos. Milhões de pessoas que não podem pagar recebem refeições gratuitas ou a preço reduzido para não passarem fome.

“Infelizmente, os membros do Congresso propuseram uma mudança drástica na fórmula de financiamento para a merenda escolar que poderia significar menos dinheiro, menos refeições servidas e mais crianças famintas”, conta-nos a change.org e apela ao nosso bom senso.

Juntei-me à luta "Parar o Bloco: proteja nossos filhos, preserve refeições escolares" e já sinto o gostinho de mirar o semblante dos parlamentares americanos diante da reação popular.

A Coalizão Stop the Block [pare o bloco], um projeto da Associação de Nutrição Escolar, foi organizada para evitar mudanças severas e desnecessárias nos programas federais de refeições escolares.

Costumo assinar outros abaixo-assinados eletrônicos. Da change.org, lembro-me de alguns deles: da lei aprovada lei contra uso de fogos com ruído em São Paulo; das 130 mil pessoas ajudaram Sheila da Silva, a conseguir fazer seus exames, impedindo o fechamento de unidade básica de saúde em bairro carente; da mãe que lutou contra o descaso e conseguiu remédio para o filho; entre outros.

Nas igrejas, aprendemos a ser irmãos, embora nunca é possível nos sentir assim, ao pé da letra e do espírito.

A modernidade e a eficácia das petições eletrônicas até nos proporcionam mudanças. Venho mudando dentro do alcance de minha compreensão.

Criança pobre dos EUA, conte comigo! - Gente de Opinião

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Montezuma Cruz

Vem aí a grande festa da quadrilha e do boi-bumbá em Porto Velho

Vem aí a grande festa da quadrilha e do boi-bumbá em Porto Velho

No cenário folclórico de Porto Velho desde os anos 1980, quando iniciou em quadras esportivas  escolares, o Arraial Flor do Maracujá se completa com o

JERÔNIMO: Foi o primeiro prefeito eleito de Porto Velho e o primeiro governador também eleito

JERÔNIMO: Foi o primeiro prefeito eleito de Porto Velho e o primeiro governador também eleito

Com fotos do Arquivo Sejucel e álbum familiarDefensor de garimpeiros desempregados com a chegada de máquinas de grandes empresas que passaram a extrai

Indígenas de Rondônia estudam, produzem, conservam a língua materna e defendem território

Indígenas de Rondônia estudam, produzem, conservam a língua materna e defendem território

Com fotos do Facebook, EBC, Frank Néry e Kanindé Etnoambiental Este é um Dia do Índio de especial significado em Rondônia, na Amazônia Ocidental Brasi

NOVA REPÚBLICA — Ângelo Angelim sucedeu Teixeirão e preparou a casa para Jerônimo

NOVA REPÚBLICA — Ângelo Angelim sucedeu Teixeirão e preparou a casa para Jerônimo

Rondônia alcançou o primeiro milhão de habitantes durante gestão do governador Ângelo Angelim