Porto Velho (RO) terça-feira, 31 de março de 2020
×
Gente de Opinião

Lúcio Flávio Pinto

O fim e o fim do blog - Por Lúcio Flávio Pinto


O blog jornalístico que criei e tentei implantar ao longo de mais de quatro anos chega neste momento ao seu fim.

Decidi encerrá-lo por vários motivos.

O primeiro é a sensação de desalento, de que o esforço se tornou infecundo. O debate, que constituía a principal motivo da existência deste espaço, degenerou para a linguagem e o raciocínio padrão da internet. Critica-se o que nãos e lê, interpreta-se sem fidelidade aos fatos, agride-se irracionalmente. A progressão resulta em insensatez. O esclarecimento público e a contribuição para a revelação da verdade importam menos do que a medição de forças. Esse tipo de controvérsia não me interessa. Infelizmente, uma tecnologia maravilhosa tornou predominante essa prática.

Preocupado em fornecer informações e enfoques sobre as mais importantes questões do cotidiano e em atender as demandas dos leitores, dando atenção especial aos seus comentários, tive que me dedicar quase integralmente ao blog para que ele equivalesse a uma redação de jornal, embora de um só homem (só). Essa dedicação prejudicou o Jornal Pessoal e também a minha saúde. Preciso voltar a minha atenção para ambos, muito prejudicados ultimamente.

Pretendo fazer realmente um jornal pessoal, bem pessoal, mantendo-o na versão impressa em papel e tentando abrir caminho para chegar aos leitores mais distantes através da internet, se ainda tiver fôlego para tal. Espero conseguir, no formato convencional do jornalismo, o que já me desiludi de obter na forma mais moderna, pela rede mundial de computadores.

Continuarei a alimentar este blog com a reprodução de textos mais antigos, como vinha fazendo na série Arquivo JP. E voltar minha atenção para os demais blogs (cabanagem, enciclopédia, Vale), abandonados nos últimos tempos. Além de retomar velhos projetos dos quais o acompanhamento do dia a dia na Amazônia me mantém afastado.

Agradeço aos meus caríssimos leitores por terem visitado este blog, animando-o com suas palavras gentis e generosas. Não dispenso a sua companhia, que me é vital, neste ou em outro veículo da empreitada, como dizem o comercial das companhias aéreas em pleno voo.

Amanhã e sempre.

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Lúcio Flávio Pinto

A queimada da Volks

A queimada da Volks

Belém (PA)Hoje, 35 anos depois do incêndio recorde da Volks (que nunca mais voltou a pensar em montar bois), a alteração se aproxima de 20% da superfí

O réquiem do STF

O réquiem do STF

A sessão de ontem foi uma das mais lamentáveis e tristes da história do Supremo Tribunal Federal.

Sinais de intranquilidade

Sinais de intranquilidade

Grande parte da instabilidade que o país vive atualmente decorre de iniciativas do próprio Bolsonaro e dos seus filhos

Chico Mendes: 30 anos do assassinato do líder seringueiro

Chico Mendes: 30 anos do assassinato do líder seringueiro

Chico Mendes está sendo lembrado no mundo inteiro pelos 30 anos do seu assassinato.