Porto Velho (RO) quarta-feira, 21 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

José Carlos Sá

Nosso Pakaas - Por Marcela Ximenes


Passarela suspensa leva às cabanas - Gente de Opinião
Passarela suspensa leva às cabanas

Blog Banzeiros - É um hotel, mas nos sentimos como se em casa estivéssemos tal é o bem-estar que nos toma quando desembarcamos no Pakaas Palafitas Lodge, em Guajará-Mirim. O carro começa a avançar nos oito quilômetros entre o Ramal do Palheta e a estrada que corta a fazenda e a sensação de alegria por estarmos voltando contagia até os bois e vacas, que nos saúdam com suas carinhas simpáticas. É a primeira vez que nos hospedamos no Pakaas em setembro. Todas as outras vezes estivemos nos primeiros meses do ano, em 2017 foi em março. Setembro é especial para nós, é o nosso aniversário de casamento, neste ano chegamos à primeira década de convivência em comum. Melhor lugar para estarmos, tem tudo o que gostamos: tranquilidade, conforto, pássaros, bichos, árvores, rios, silêncio. E ótima comida, claro.

Meu ritual particular ao entrar na cabana é como se estivesse chegando em casa após longa ausência. Observo tudo com saudades. É estranho, mas eu faço isso sempre, desde a segunda vez que voltei ao Pakaas. Adoro a decoração, as cores, os móveis, o banheiro (sim!), a varanda. Tudo, todos os detalhes. Não perdi a oportunidade de dizer ao sr Paulo Saldanha, proprietário do hotel, o quanto eu gosto do local e estar ali me deixa feliz.

Piscina e rios Pacaás Novos e Mamoré - Gente de Opinião
Piscina e rios Pacaás Novos e Mamoré

Ah, mas tem mosquito? É claro que tem! É Amazônia, meu amigo. Tem mosquito até no centro da cidade. Leve repelente, loção pós-picada de inseto, anti-alérgico, vista-se adequadamente. Mosquito não é desculpa para deixar de conhecer um local. A não ser, claro, que você seja super-alérgico, o que é uma pena.

E você disse que há silêncio, nada de balada? Não senhor, só apenas dos bichos, dos barcos passando no rio e da música ambiente na área comum da piscina. Se procura uma rave na selva, não é se hospedando no Pakaas que irá encontrar. Mas alguém vai para a selva em busca de agito? Vai.

Na varanda de nossa cabana à beira do rio Mamoré - Gente de Opinião
Na varanda de nossa cabana à beira do rio Mamoré

Temos um hotel espetacular em Rondônia. Ninguém precisa ir ao Amazonas para ter a experiência em se hospedar na selva. Basta ir ao Pakaas.

Nesse post você encontra os detalhes para hospedagem no Pakaas.

Duração: 1 minuto e 59 segundos | Visualizações: 3.510

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Veja Mais

Mais Sobre José Carlos Sá

Turismo ampliado

Turismo ampliado

Previsto para entrar em funcionamento no próximo dia 9, domingo, o passeio na antiga litorina da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, vai ampliar as opçõe

Um partido envelhecido precocemente

Um partido envelhecido precocemente

Uma matéria do jornalista Eduardo Militão, da sucursal de Brasília da UOL descreve o desgaste interno e externo do partido MDB

Bebendo veneno

Bebendo veneno

Ministério da Agricultura liberou mais 31 novos agrotóxicos

A tristeza da miséria humana

A tristeza da miséria humana

Efeitos deletérios da tragédia de Brumadinho